A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » , » Arthur Lira: A história vai julgar o legado de Rodrigo Maia

Arthur Lira: A história vai julgar o legado de Rodrigo Maia

Written By Beraká - o blog da família on terça-feira, 2 de fevereiro de 2021 | 11:52



 

UM BREVE HISTÓRICO DE RODRIGO MAIA E DE SEU TRABALHO CONTRA O BRASIL E CONTRA OS BRASILEIROS

 

Por: Filipe G. Martins

 

 

 

1. Em 2016, após a renúncia de Eduardo Cunha da Presidência da Câmara, Rodrigo Maia inovou e articulou um tal de mandato tampão de Presidente da Câmara dos Deputados. Ali, de modo legalmente duvidoso, Maia ocuparia pela primeira vez a presidência da Câmara.

 

2. A primeira gestão de Maia como presidente da Câmara foi marcada pela sabotagem constante dos esforços de reconstrução do Brasil pós-impeachment, através de projetos pensados para minar o trabalho de Henrique Meirelles e que acabariam conhecidos como "bombas fiscais".

 

3. Hoje, boa parte dos mais de R$ 300 bilhões em renúncias que agravam o déficit das contas públicas e inibem o poder de ação do governo federal possuem as digitais de Rodrigo Maia. Inacreditavelmente, a mídia tentava nos convencer de que ele defendia a responsabilidade fiscal.

 

4. Em 2017, ignorando a Constituição Federal (Art. 57, §4º) e o Regimento Interno da Câmara, Maia se lança candidato e, assim, ocupa a Presidência da Câmara dos Deputados mais uma vez de forma legalmente questionável e dá seguimento à sabotagem da reconstrução do Brasil.

 

5. Em 2019, contrariando novamente a Constituição Federal em seu Artigo 57, §4º, Maia sustenta que reeleição para legislaturas diferentes não se encaixa no veto constitucional, o que é obviamente uma violação das regras do jogo, e se lança candidato outra vez.

 

6. Com a ajuda de Joices, Bebbianos e Frotas, que sabotaram a articulação da Casa Civil e fizeram do PSL o primeiro partido a apoiá-lo formalmente (sim, o primeiro!), Maia se elege Presidente da Câmara de modo legalmente questionável pela terceira vez.

 

7. O argumento daqueles que minaram a construção de uma possível candidatura do Governo Federal era de que Maia seria o presidente que apoiaria as reformas estruturais. Nada mais falso: ele se mostraria o mesmo sabotador de sempre, trabalhando constantemente contra as reformas.

 

8. Por ocasião da primeira reforma, a da Previdência, Maia fez a sua primeira maldade. A equipe econômica havia proposto que idosos carentes que tivessem entre 60 e 65 anos recebessem um auxílio individual no valor de R$400 que seria escalonado até um salário mínimo, aos 65 anos. O Brasil tinha mais de 1 milhão de idosos carentes recebendo Bolsa Família e outros 2 milhões de idosos aptos a receber o benefício proposto no projeto original da reforma da previdência. Cada idoso recebia, à época, o valor do benefício básico do Bolsa Família, de R$ 89. Ou seja, se Maia não tivesse sabotado a proposta do Governo, em vez de 1milhão de idosos carentes recebendo R$89 POR FAMÍLIA, teríamos 3milhões de idosos recebendo R$400 INDIVIDUALMENTE. Um casal idoso carente hoje conta apenas com R$89, sem a maldade de Maia receberia R$800.

 

9. Foi Rodrigo Maia quem inaugurou a campanha da mentira dizendo que Bolsonaro queria pagar menos que um salário mínimo aos idosos e não permitiu ao Presidente ter essa marca social em seu governo. Para sabotar o governo, Maia não teve compaixão com quem mais precisa de ajuda.

 




10. Depois, ele se negou a pautar privatizações e reformas; deixou caducar as MPs do balanço das empresas e da carteira estudantil; barrou a CPI da UNE; e até a MP da regularização fundiária, que permitiria ao Governo saber o CPF de quem comete crimes ambientais, ele engavetou.

 

11. Ao todo, foram quase 30 MPs que deixaram de beneficiar nosso país e nossa economia, graças a mesquinharia de Rodrigo Maia. Tudo, claro, com a cumplicidade da velha imprensa em geral e da Rede Globo em particular.

 

12. Uma de suas últimas sabotagem foi interditar, na reforma tributária, a desoneração da folha de pagamento, o que diminuiria os custos do emprego e formalizaria 30 milhões de trabalhadores informais. Felizmente, com a derrota de Maia, o governo poderá reverter esse bloqueio.

 

 

13. Os últimos dias, porém, colocaram Maia no lugar que lhe cabe na história. Isolado, perdeu o apoio do próprio partido e da Mesa Diretora eleita com ele. Bloqueou amigos no Whatsapp, berrou ao telefone e deu inúmeras declarações emocionadas e completamente sem nexo.

 

14. Esse é o fim de quem trabalhou durante quatro anos contra os demais parlamentares, contra dois presidentes da república, contra a agenda eleita nas urnas em 2018, contra o Brasil e contra todo o povo brasileiro, bloqueando pautas de interesse do país em nome de um projeto pessoal de poder e de sua vaidade sem fim.

 

15. Agora Maia irá trabalhar para ser ministro de alguma candidatura fadada a amargar uma derrota em 2022, já que que suas chances de reeleição são mínimas e que, logo, além de perder o direito de usufruir de jatinhos da FAB, ele perderá também o foro privilegiado.

 

17. Rodrigo Maia quis voar alto, próximo ao sol, sem se dar conta de que suas asas eram de cera...

 

 

 

FONTES DE CONSULTA:

 

 

 

-https://twitter.com/filgmartin/status/1356450437306679297 

 

 

-https://jovempan.com.br/noticias/politica/ao-vivo-acompanhe-a-eleicao-para-a-presidencia-da-camara-dos-deputados.html

 


Apostolado Berakash: A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.

Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido(a), desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Os comentários serão analisados criteriosamente e poderão ser ignorados e ou, excluídos.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim" (João14, 6).Como Católicos, defendemos a verdade contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha a verdade, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por ela até que Ele volte(1Tim 6,14).Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino) “Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao vosso nome dai glória...” (Salmo 115,1)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger