A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » , » Por que Felipe Neto não é recomendável para crianças e adolescentes?

Por que Felipe Neto não é recomendável para crianças e adolescentes?

Written By Beraká - o blog da família on domingo, 27 de setembro de 2020 | 13:00

 




Todos sabem que o alvo desses ativistas de caráter progressista filhos da Revolução Francesa, nas redes sociais não são os adultos, mas as crianças e adolescentes que ainda não tem uma opinião formada e não tem maturidade ainda para fazer juízos morais. A criança que não tem malícia. O Presidente Trump já alertou para essa questão porque isso realmente é muito grave. As novas gerações vão ficando cada vez mais perdidas e com os valores invertidos. Onde vamos parar com tudo isto? Não podemos deixar de reconhecer que a geração atual de crianças é diferente, mais questionadora, e isso acaba trazendo uma dificuldade a mais para os pais. Ao contrário do passado, essas crianças não se submetem, não obedecem cegamente, e vão ser mais desafiadoras e vão dar trabalho. Os pais realmente precisam encontrar um meio termo entre a proibição total e a permissividade, e esse diálogo com os filhos precisa começar desde cedo. Os pais têm que ter a consciência de que em vez de impor regras, o importante é trazer as crianças para fazer as próprias regras da casa. Como vai ser a rotina, em que momentos a gente vai poder pegar o celular, assistir a alguma coisa na televisão ou computador. Isso tem que ser feito de uma forma que a criança participe, se sinta pertencente, porque senão se criam embates e disputas de poder. Essa relação de diálogo e confiança com a criança sobre perigos como atravessar a rua, sobre um desconhecido oferecer algo a elas, tem que ser construída desde cedo. Isso ajuda a própria criança a entender o que é moralmente bom e o que não é, e que pode lhe trazer consequências negativas.

 

Páginas na internet e canal no You tube acusam Felipe Neto de ser anticristo

 


Crianças e adolescentes são cada vez mais ligados aos ídolos da internet. Youtuber é uma das mais novas profissões de sucesso do momento e têm tornado jovens anônimos em celebridades caríssimas no meio artístico, e Felipe Neto, é um dos grandes sucesso da atualidade, seu canal é um dos mais acessados por crianças e adolescentes de todo país e até de fora. Em um jogo exposto por Felipe na internet, ele mostra uma luta entre Deus e Jesus contra demônios. Em determinados momentos ele usa expressões como: “Mata Jesus”, “Morre Deus” , e várias outras que são verdadeiras profanações a fé de cristãos. Todo esse conteúdo é exposto a crianças de todas as idades abertamente no YouTube. O vídeo foi classificado como uma verdadeira afronta e desrespeito por cristão no mundo todo, e por páginas cristãs que se sentiram ofendidas com o conteúdo de Felipe. As posições de Felipe com relação a vários assuntos, geraram enorme polêmica entre internautas de várias religiões e crenças, e esses religiosos afirmam que o jovem traria má influência para os seus fãs. O canal “Tio Lu”, fez uma análise do conteúdo e apontou várias profanações, mas o autor do vídeo deixa claro que isso é apenas uma opinião pessoal dele. No vídeo com título: “O SATANISMO DE FELIPE NETO”, tio Lu diz não ter dúvidas de que Felipe seja um anticristo. Veja a análise no link da fonte original abaixo:



Fonte:https://reporterbetoribeiro.com.br/felipe-neto-e-acusado-de-ser-anticristo-e-gera-enorme-polemica-nas-redes-sociais/

 






 

Não adianta a luta diária para educar os nossos filhos se eles assistirem ao Felipe Neto

 

 

(Por Rita Lisauskas – Jornal Estadão)

 

 

A mensagem dele é antiga: quem grita, humilha e zomba de tudo e de todos é que é 'descolado' Atualização feita em agosto de 2020: O texto abaixo, escrito em abril de 2018, não condiz mais com a minha opinião sobre Felipe Neto. Uma nova coluna sobre o youtuber foi publicada aqui, e convido a todos a terem acesso ao meu novo olhar sobre ele. Basta assistir a dois ou três minutos de qualquer vídeo desse youtuber, tão querido pelas crianças, para perceber que deixar seu filho na “companhia” dele é um desserviço para à educação que nós, pais, nos esforçamos a dar a eles todos os dias. Você explica que falar palavrão não é legal, que não podemos tratar os outros com diferença, que bullying é errado, mas Felipe Neto está lá, tentando dizer aos nossos filhos que quem grita, humilha e zomba de tudo e de todos é que é descolado. Eu já conhecia a figura porque há alguns anos ele me atacou, de forma grosseira, por causa de um texto aqui do blog onde eu dizia que as músicas da Anitta não são indicadas para criança. Mas Felipe Neto voltou à minha mente (e às manchetes) semana passada, quando alguns veículos divulgaram que ele participou de um painel sobre publicidade infantil para os pequenos chamado “Lugar de criança é no supermercado”.  Depois li um post de uma amiga, a jornalista Mariana Kotscho, que contava que havia “dado um basta em casa”, proibindo os três filhos de assistir aos vídeos dele. Ela contava ainda que tinha se arrependido de ter achado que aquilo era “coisa de criança”.

 

 

“É danoso! O vídeo ‘o que eu comprei na Disney com 18 mil reais’ é para vomitar. É tudo ruim, valores distorcidos. E sem graça. E ainda tira o sarro do rapaz gordo o tempo todo. Ensinando bullying e preconceito. E cheio de palavrão. Enfim, radicalizei. Vai contra tudo o que prego na educação dos meus filhos. Pais e mães, reflitam! E muita atenção ao que permitimos aos nossos pequenos. São crianças, com caráter em formação. Nada de entregá-los de bandeja aos youtubers, pelo bem do desenvolvimento deles. E pelo bem do futuro da nossa sociedade. Se o seu filho ou filha assiste, assista com ele e veja que de inofensivo não tem nada!”

 

 

 

Fiz parte exercício proposto, (mas sem meu filho), e tomei nota. E o que vi é de chorar.

 

 

-Felipe Neto grita. O tempo todo. Se não gosta de algo editado ou proposto pelo produtor do seu canal, berra e vira os olhinhos. Como não consegue debater com quem o critica, como no caso da publicidade infantil, berra ainda mais alto e faz caretas. Seu argumento é o grito, a cara de desprezo ou de nojo: às vezes usa os três expedientes para tentar convencer a audiência que está certo e que quem o critica é um completo idiota – ou burro, ou inútil, ou retardado. O que nos leva ao item abaixo.

 

 

-Ele xinga: ‘retardado’, ‘burro’, ‘inútil’, ‘idiota’ foram adjetivos recorrentes nos três vídeos que eu assisti.  Lembra que você sempre ressalta com o seu filho que o diálogo e a escuta são importantes para resolver as questões do dia a dia? Felipe Neto não reconhece nenhum desses instrumentos. Também acha que “gordo” ou “macumbeiro” são xingamentos, ressaltando subliminarmente, claro, que quem está acima do peso ou é praticante de umbanda ou candomblé não merece respeito. A gente fala de respeito com as crianças sempre, né? Então.

 

 

-Ele tenta vender produtos o tempo todo – A cada cinco minutos, Felipe Neto anuncia alguma coisa àqueles que o assistem. O livro dele é oferecido várias vezes durante seus vídeos que tem, em média, de dez a vinte minutos. Se não é o livro, são ingressos para seu show que, pelo que entendi, roda o Brasil, ou seja, seu filho está sendo exposto à publicidade infantil, que é proibida a crianças menores de 12 anos pela Constituição, Código de Defesa do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente e por uma resolução do Conanda, o Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente. Felipe argumenta, primeiro, que seus telespectadores têm mais de 13 anos e que sempre diz a eles para que peçam aos pais que comprem os produtos. Torturar os fatos até que eles pareçam favoráveis é especialidade dele.

 

 

Ele fala palavrões – O vocabulário é chulo e há palavrões aos borbotões. Em uma das publicações ele garante que mudou, não faz mais piadas com minorias. Em vez de aplaudir, lembro de um cartaz que viralizou nas redes sociais, tempos atrás, mostrando os pais de um garoto recém-formado que diziam que, ao conseguir o diploma, o guri não tinha feito “nada mais que a obrigação”. É isso, Felipe Neto. Aproveito para lembrar que racismo é crime. Homofobia ainda não é (!), mas chegaremos lá.

 

 

Quando Felipe Neto deixa de berrar e tenta soltar algumas frases em sua defesa, diz que não cabe ao entretenimento, mas sim aos pais, a tarefa de “educar” os filhos. Inclusive ele disse isso no tal vídeo em que me ofendeu. Poxa vida, nisso concordamos. E é exatamente o que eu e muitas mães estamos fazendo quando decidimos não deixar que você entre mais em nossas casas. Aliás, por aqui, você nunca foi bem-vindo.

 

 

Fonte:https://emais.estadao.com.br/blogs/ser-mae/nao-adianta-a-luta-diaria-para-educar-os-nossos-filhos-se-eles-assistirem-ao-felipe-neto/

 

 

----------------------------------------------------------

 

Apostolado Berakash – Trazendo a Verdade: Se você gosta de nossas publicações e caso queira saber mais sobre determinado tema, tirar dúvidas, ou até mesmo agendar palestras e cursos em sua paróquia, cidade, pastoral, e ou, movimento da Igreja, entre em contato conosco  pelo e-mail:

 

 

 

filhodedeusshalom@gmail.com

 

Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido(a), desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Os comentários serão analisados criteriosamente e poderão ser ignorados e ou, excluídos.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino) “Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao vosso nome dai glória...” (Salmo 115,1)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger