A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Existe alguma relação entre o satanismo e a prática do aborto?

Existe alguma relação entre o satanismo e a prática do aborto?

Written By Beraká - o blog da família on sábado, 21 de janeiro de 2017 | 20:39





Satanistas protestam contra a posse de Donald Trump.Podemos concluir que se Trump desagrada ao diabo, é porque ele está no caminho certo e na vontade de Deus.Veja o vídeo e tire suas conclusões:





https://www.youtube.com/watch?v=RvMxb1Zi9Vs




Trump publicou uma carta em que fez diversos compromissos com o eleitorado pró-vida: assinar o projeto de lei que proíbe o aborto após 20 semanas de gestação, nomear apenas juízes pró-vida para a Suprema Corte, retirar o financiamento público da clínica de abortos Planned Parenthood e tornar permanente a Emenda Hyde, que proíbe que o aborto seja realizado com financiamento público.Segundo a revista Foreign Policy, o Presidente Donald Trump anunciará o fim do financiamento de grupos e organizações que promovem o aborto no exterior.Em agosto de 2015, foi divulgada a notícia de que o grupo satânico Templo Satânico de Detroit (Michigan, EUA), que havia inaugurado recentemente uma estátua dedicada a Baphomet, reuniu mais de 30 mil dólares para financiar uma batalha legal em defesa do “direito ao aborto”, e assim evitar que suas fiéis grávidas fossem “submetidas” a receber informação prévia sobre o processo do aborto. Apelando à liberdade religiosa, defendem seus “direitos reprodutivos religiosos”. O porta-voz desse grupo, Lucien Greaves, afirmou que, em sua religião, o aborto é considerado um dos seus sacramentos. Nota-se a campanha da mídia brasileira e internacional contra Donald Trump, dando bastante destaque a esses protestos. Fiquemos atentos às pessoas que deixamos formar nossa opinião, pois existe todo um interesse por trás da notícia.E pra quem duvida, veja esse testmunho de um ex satanista, confessando que fazia rituais satânicos dentro de clínicas de aborto:








Existe alguma relação entre o satanismo e a prática do aborto?



(Miguel Pastorino – Aleteia)


O porta-voz do grupo satânico Templo Satânico afirma que o aborto é um dos “sacramentos” da sua religião.



Foram divulgadas recentemente notícias que revelam o vínculo entre algumas práticas satânicas e o aborto. Ainda que não se possa inferir uma relação direta entre a prática do aborto e os cultos satânicos, há casos concretos, que se tornaram públicos, nos quais se manifesta com clareza tal relação.


Em agosto de 2015, foi divulgada a notícia de que o grupo satânico Templo Satânico de Detroit (Michigan, EUA), que havia inaugurado recentemente uma estátua dedicada a Baphomet, reuniu mais de 30 mil dólares para financiar uma batalha legal em defesa do “direito ao aborto”, e assim evitar que suas fiéis grávidas fossem “submetidas” a receber informação prévia sobre o processo do aborto.


Também foi divulgada recentemente a extensa entrevista de um ex-satanista, Zachary King, quem confessou haver vários ritos satânicos realizados dentro das clínicas de aborto. Desde o início da sua adolescência dentro do satanismo, Zachary contou que foi convidado a participar de uma celebração na qual se buscava deixar uma das participantes da seita grávida, para, após alguns meses, praticar um aborto ritual.Não é uma novidade que os ritos satânicos tenham como oferenda o assassinato ritual de pessoas (bebês e adultos) e animais. Quanto mais aberrantes as práticas, mais agradáveis são consideradas como oferendas a Satanás, razão pela qual não é de se estranhar que sejam incluídos os bebês não nascidos.



Podemos recordar o assassinato, em 1969, de Sharon Tate, esposa de Roman Polanski, cometido pelos discípulos de Charles Manson, quem deu a ordem de assassinar todos os que estavam na casa, “da maneira mais horripilante possível”.A história do satanismo em países europeus e nos Estados Unidos é tenebrosa quanto às crônicas de assassinatos rituais todos os anos.



O satanismo sempre promove práticas transgressoras e aberrantes, promotoras do suicídio, de todo tipo de homicídios, bem como da necrofilia, beber sangue, canibalismo, torturas etc. Não é de se estranhar, portanto, que a prática do aborto faça parte do universo satanista.Mesmo que as pessoas que apoiam o aborto o façam por questões ideológicas e não estejam necessariamente vinculadas ao satanismo, não deixa de ser horripilante saber que o satanismo, além de promover o aborto, o utilize para fins cada vez mais perversos.




Para aprofundar:Quem está por trás do monumento ao demônio de Oklahoma?



Ao longo dos últimos meses, um grupo denominado “O Templo Satânico” atingiu níveis de celebridade nos EUA ao protagonizar notícias polêmicas como a da instalação de um monumento ao demônio junto ao Capitólio de Oklahoma, a da celebração de uma missa negra em dependências da Universidade de Harvard e a da campanha para promover o respeito ao satanismo nos colégios públicos norte-americanos.A desconhecida seita satânica conseguiu vasta popularidade midiática, deixando muita gente surpresa e cheia de perguntas: em que esta seita acredita? Quais são as suas práticas? É coisa séria ou eles só estão atrás de notoriedade?


Da estátua aos colégios, passando pela universidade



Alguns meses atrás, a organização norte-americana “O Templo Satânico” provocou grande repercussão ao solicitar a instalação de um monumento ao satanismo junto ao Capitólio de Oklahoma, alegando que no local já existe um monumento dedicado aos Dez Mandamentos. Com uma curiosa concepção da presença pública dos símbolos religiosos, o projeto, que já foi apresentado, prevê um Baphomet (figura de corpo humano com cabeça de bode) em postura de bênção, junto com um pentagrama satânico (a estrela de cinco pontas invertida) e duas crianças. Pelas informações publicadas, o financiamento coletivo do monumento através da internet superou as expectativas e a obra deverá ser instalada no lugar previsto.O site oficial propõe o financiamento de maneira bastante peculiar e parece ter obtido bons resultados. Por 500 dólares, o apoiador poderá ver o seu nome na “lista de almas” que aparecerá na parte posterior da estátua; por 666 dólares, o nome do doador será exibido em lugar “mais destacado” (supõe-se que na frente); por 1.200 dólares, o nome passará a encabeçar a lista. Quem quiser uma réplica da peça deverá pagar 1.000 dólares. Já por 100.000 dólares, o interessado poderá adquirir a sua própria estátua.


A polêmica mais recente envolvendo o grupo foi o anúncio da celebração de uma “missa negra satânica” no Harvard Extension Cultural Studies Club, que faz parte das estruturas da prestigiosa universidade norte-americana. Foram desmentidas as primeiras informações sobre o uso de uma hóstia consagrada, mas este fato inexplicável dentro de uma universidade desatou uma enxurrada de críticas e reclamações. Não é a primeira vez que a seita age naquele recinto acadêmico: pelo menos em duas ocasiões ao longo de 2013, o Clube de Estudos Culturais da Universidade de Harvard sediou conferências de representantes do Templo Satânico.



Uma notícia que parece não ter sido muito veiculada fora dos EUA foi a promoção irreverente e provocativa, por parte do grupo, das uniões homossexuais:



Em julho de 2013, o Templo Satânico realizou uma denominada “missa rosa” para celebrar as uniões civis de casais do mesmo sexo… num cemitério. De acordo com seu site, “o porta-voz do Templo Satânico, Lucien Greaves, oficiou a cerimônia em que dois casais do mesmo sexo celebraram a sua homossexualidade sobre um túmulo”. Nas fotografias publicadas, os protagonistas do evento se beijam em cima de uma lápide. O grupo convida outras pessoas a fazerem o mesmo, “peregrinando” até aquele cemitério do Mississippi e enviando as suas próprias fotos para o site do Tempo Satânico. O motivo dessa profanação de um recinto sagrado dedicado à memória dos falecidos parece simples: trata-se de um cemitério da comunidade batista de Westboro, cujo pastor, Fred Phelps, entrou na mira de movimentos ativistas favoráveis aos gays. A “missa rosa”, aliás, foi celebrada nada menos que no túmulo da mãe de Phelps. O porta-voz da seita, provocador, chega a afirmar que “o Templo Satânico acredita que Fred Phelps tem que acreditar que, agora, a sua mãe é ‘gay’ no além, devido à nossa Missa Rosa. E ninguém pode questionar o nosso direito às nossas crenças”.



O movimento satânico se propôs ainda a “adotar” um trecho de uma rodovia em Nova Iorque para mostrar o seu caráter cívico e de responsabilidade social, além de advogar publicamente pela criação de um Dia Internacional de Defensa dos Apóstatas e Blasfemos. A seita ainda defende o uso da expressão “Hail Satan!" na promoção do aborto livre. Finalmente, o grupo satânico está à frente de uma campanha denominada “Protejam as crianças”, destinada a promover o livre exercício do satanismo nos colégios públicos dos EUA por parte dos menores de idade.



Fonte: Aleteia
Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger