“O objetivo deste apostolado não é provocar uma GUERRA RELIGIOSA, nem muito menos fazer PROSELITISMO, mas unicamente a promoção da BUSCA PELA VERDADE, pois como já dizia Santo Agostinho: A busca pela verdade é a busca pelo próprio Deus, pois DEUS É A VERDADE...”
Tecnologia do Blogger.

NOTÍCIAS ATUAIS

Loading...
ÚLTIMAS POSTAGENS

A Teologia Verde da TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO

Written By Beraká - o blog da família on domingo, 13 de abril de 2014 | 22:50



É aquela que, em vez de se preocuparem em salvar as almas, e em ensinar-lhes o caminho da Salvação Integral, cuidam só do "verde"...


Como canta a canção portuguesa, eles  os intelectuais engajados também, poderiam cantar:


"Ái verdinho, meu verdinho,
esquecer-te não há maneira.
Tu para mim és pão e vinho,
e cor de minha bandeira".


Gostaria de lembrar  uma frase famosa de Jesus Cristo, para que a transmita a seus admirados intelectuais engajados:

Criação x Evolucionismo - A Teoria da Lacuna e as FRAUDES pseudo científicas da ARQUEOLOGIA




O homem e a unidade da raça


A unidade da raça se refere ao conceito de que a humanidade procede de apenas um tronco ou ascendência. Se admitirmos, como deseja os poligenistas,[1] de que a raça humana procede de vários troncos ou de diversos casais em regiões distantes entre si, estaremos sangrando o texto bíblico, além é claro, de corroborar com a teoria evolucionista.



Entretanto, as Escrituras afirmam categoricamente a unidade da raça, concordando em cada uma de suas páginas, de que a humanidade procede de um único casal (monogenismo). Os dois conceitos a respeito da origem das raças são:


Por que sou Católico e Por quais motivos se deve ser Católico ?



A Igreja de Cristo é Una e Visível:

“A Igreja é uma só, embora abranja uma multidão pelo contínuo aumento de sua fecundidade. Assim como há uma só luz nos muitos raios do sol, uma só árvore em muitos ramos, um só tronco fundamentado em raízes tenazes, muitos rios em uma única fonte, assim também esta multidão guarda a unidade da origem, se bem que pareça dividida por causa da inumerável profusão dos que nascem. A unidade da luz não comporta que se separe um raio do centro solar; um ramo quebrado da árvore não cresce; cortado da fonte, o rio seca imediatamente. Do mesmo modo, a Igreja do Senhor, como luz derramada, estende seus raios em todo o mundo e é uma única luz que se difunde sem perder a própria unidade. Ela desdobra os ramos por toda a terra com grande fecundidade; estende-se ao longo dos rios com toda a liberalidade e, no entanto, é uma na cabeça, uma pela origem, uma só mão imensamente fecunda. Nascemos todos do seu ventre, somos nutridos com seu leite e animados por seu Espírito” (Cipriano, +258, Sobre a Unidade da Igreja cap. 4)

Por que Cristo tinha de morrer na Cruz para nos salvar ?





“Eu te conjuro em presença de Deus e de Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, por sua aparição e por seu Reino: prega a palavra, insiste oportuna e importunamente, repreende, ameaça, exorta com toda paciência e empenho de instruir. Porque virá tempo em que os homens já não suportarão a sã doutrina da salvação. Levados pelas próprias paixões e pelo prurido de escutar novidades, ajustarão mestres para si.” (2 Tm 4,1-3)


1 Cor 15,53-58 : “Onde está ó morte, a tua vitória”





A morte é uma realidade terrível. Isso milhares de pessoas já experimentaram quando se encontravam ao lado da sepultura de algum ente querido.


Também o nosso Senhor Jesus Cristo jamais ignorou a realidade da morte. Quando Ele chegou para ressuscitar seu amigo Lázaro que já se encontrava quatro dias na sepultura, Ele até chorou ao lado do sepulcro.


Mas assim como a morte é uma dura realidade, existe uma outra realidade que é maravilhosa: essa mesma morte que nos inspira tanto pavor perdeu seu poder e sua força por meio da morte de Jesus.


Embora nós que cremos em Cristo  fiquemos com o passar dos  cada vez mais velho, e esteja se aproximando inexoravelmente do dia em que partiremos deste mundo, a pessoa que crê em Jesus se encontra dentro do raio de ação da promessa do Salmo 92:

“Como é bom render graças ao Senhor e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo,anunciar de manhã o teu amor leal e de noite a tua fidelidade,ao som da lira de dez cordas e da cítara, e da melodia da harpa.Tu me alegras, Senhor, com os teus feitos; as obras das tuas mãos levam-me a cantar de alegria.Como são grandes as tuas obras, Senhor, como são profundos os teus propósitos!O insensato não entende, o tolo não vêque, embora os ímpios brotem como a erva e floresçam todos os malfeitores, serão destruídos para sempre.Pois tu, Senhor, és exaltado para sempre.Mas os teus inimigos, Senhor, os teus inimigos perecerão; serão dispersos todos os malfeitores!Tu aumentaste a minha força como a do boi selvagem; derramaste sobre mim óleo novo.Os meus olhos contemplaram a derrota dos meus inimigos; os meus ouvidos escutaram a debandada dos meus maldosos agressores.Os justos florescerão como a palmeira, crescerão como o cedro do Líbano;plantados na casa do Senhor, florescerão nos átrios do nosso Deus.Mesmo na velhice darão fruto, permanecerão viçosos e verdejantes,para proclamar que o Senhor é justo. Ele é a minha rocha; nele não há injustiça.

Por que o filme " A PAIXÃO" Casou e ainda causa tanta polêmica ?

Written By Beraká - o blog da família on sábado, 12 de abril de 2014 | 17:34



1)- Sinopse

No monte das Oliveiras, Jesus entrou em agonia e orava ainda com mais instância, e seu suor tornou-se como gotas de sangue a escorrer pela terra. Depois de ter rezado, levantou-se, foi ter com os discípulos e achou-os adormecidos de tristeza. Disse-lhes: Por que dormis? Levantai-vos, orai, para não cairdes em tentação. Ele ainda falava, quando apareceu uma multidão de gente; e à testa deles vinha um dos Doze, que se chamava Judas. Achegou-se de Jesus para o beijar. (Lc 44, 47) Os que haviam prendido Jesus levaram-no à casa do sumo sacerdote Caifás, onde estavam reunidos os escribas e os anciãos do povo. (Mt 26, 57). Logo pela manhã se reuniram os sumos sacerdotes com os anciãos, os escribas e com todo o conselho. E tendo amarrado Jesus, levaram-no e entregaram-no a Pilatos. (Mc 15, 1) onde fora interrogado pelo Governador Pilatos e condenado a morte de Cruz.

Idiomas para ver o blog:

Curta a nossa página!

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

CATECISMO da ICAR

PESQUISE NA BÍBLIA CATÓLICA

PERGUNTE e RESPONDEREMOS

Acessos

Seja um(a) membro(a):

Costuma ver neste blog

Postagens mais lidas

COMENTÁRIOS

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger