"Não alcançamos a liberdade buscando a liberdade, mas sim a verdade. A liberdade não é um fim, mas uma consequência" (Leon Tolstoi, 1828 - 1910)
Tecnologia do Blogger.

NOTÍCIAS ATUAIS

Loading...
ÚLTIMAS POSTAGENS

Política, Razão e Verdade em Espinosa

Written By Beraká - o blog da família on sexta-feira, 21 de novembro de 2014 | 17:53







A política, para Espinosa, se dá no domínio da imaginação, é lugar de paixões. Mesmo que alguns homens ajam algumas ou muitas vezes de acordo com a razão, não se pode diferenciar o desejo cego e a razão nas ações políticas; a liberdade de ânimo, ou fortaleza, que como virtude ou perfeição está presente naquele que tem o poder de operar segundo a razão (TP[1] II 7) e cuja mente está sob jurisdição de si própria, não de outrem, essa fortaleza de ânimo, diz Espinosa, “é uma virtude privada” (cf. TP I 6). Não cabe ao Estado decidir sobre o que leva seus cidadãos a agir desejo cego ou razão, seu papel e sua virtude é a segurança internamente e a paz na relação com outros Estados. 

As ideologias por trás da União Européia

Written By Beraká - o blog da família on terça-feira, 18 de novembro de 2014 | 23:03





As duas ideologias dominantes na Europa



Desde o início da União Europeia, tem havido um conflito entre os defensores de dois ideais diferentes.  Qual postura o continente europeu deve adotar: a visão liberal-clássica ou visão socialista? 



A introdução do euro teve um papel decisivo sobre as estratégias dessas duas visões.[1] Para se entender melhor os problemas causados pela adoção de uma moeda única, bem como a história por trás de sua adoção, é importante estar familiarizado com essas duas visões divergentes e essenciais, assim como as subsequentes tensões que vieram à tona em decorrência de uma moeda única.


As heresias de caráter eclesiológico, Cristológico e antropológico da Teologia da Libertação

Written By Beraká - o blog da família on segunda-feira, 17 de novembro de 2014 | 00:01






A teologia da libertação, isto é, o conjunto de escritos publicados, a partir de 1971, por figuras como Gustavo Gutierrez, Hugo Assmann, Pablo Richard, Leonardo e Clodovis Boff, Enrique Dussel, Frei Betto e vários outros, recolhe esta intuição e a coloca no centro de sua reinterpretação do Evangelho, de sua nova hermenêutica do Antigo-Testamento e da mensagem de Cristo, de sua reformulação do magistério da Igreja. Uma reformulação na qual entram aspectos essenciais do marxismo, integrados de forma muito mais orgânica e coerente no discurso religioso ,em comparação com os documentos da esquerda cristã dos anos 60.



A superioridade da Religião Cristã sobre o Judaísmo, Islamismo,Budismo,Hinduismo e espiritismo ?

Written By Beraká - o blog da família on sábado, 8 de novembro de 2014 | 00:34


Espero que entendam que não é mera superioridade de querer sermos melhores que todos, mas sim em relação a PLENITUDE DA REVELAÇÃO E SALVAÇÃO que só se dá no Cristianismo. Pois assim nos revela as ecrituras:

“Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim ... “(João 14,6).

Atos 4,12:E não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos. 

A superioridade do Cristianismo: Entrevista com o filósofo Luiz Felipe Pondé à Veja

Written By Beraká - o blog da família on sexta-feira, 7 de novembro de 2014 | 22:39



Luiz Felipe Pondé (foto), 52, é um raro exemplo de filósofo brasileiro que consegue conversar com o mundo para além dos muros da academia. Seja na sua coluna semanal na Folha de S.Paulo, seja em livros como o recém-lançado O Catolicismo Hoje (Benvirá), ele sabe se comunicar como o grande público sem baratear suas ideias.


Mais rara ainda é sua disposição para criticar certezas e lugares-comuns bem estabelecidos entre seus pares. Pondé é um crítico da dominância burra que a esquerda assumiu sobre a cultura brasileira.


Professor da Faap e da PUC, em São Paulo, Pondé, em seus ensaios, conseguiu definir ironicamente o espírito dos tempos descrevendo um cenário comum na classe média intelectualizada:


o jantar inteligente, no qual os comensais, entre uma e outra taça de vinho chileno, se cumprimentam mutuamente por sua “consciência social”.


Diz Pondé:

“Sou filósofo casado com psicanalista. Somos convidados para muitos jantares assim. Há até jantares inteligentes para falar mal de jantares inteligentes. Estudioso de teologia, Pondé considera o ateísmo filosoficamente raso, mas não é seguidor de nenhuma religião em particular. Eis um pensador capaz de surpreender quem valoriza o rigor na troca de ideias.


Rodney Stark O Crescimento do Cristianismo: Um Sociólogo Reconsidera a História


Rodney Stark (nascido em 1934) é um conservador americano sociólogo da religião . Ele é Professor de Ciências Sociais na Universidade de Baylor , co-diretor do Instituto da Universidade de Estudos de Religião, e editor-fundador da Revista Interdisciplinar de Pesquisa sobre Religião.

Stark tem escrito mais de 30 livros, incluindo The Rise of Christianity (1996), e mais de 140 artigos acadêmicos sobre temas tão diversos como o preconceito, crime, suicídio e vida da cidade na antiga Roma.Ele já ganhou duas vezes o Livro Distinguished Prêmio da Sociedade para o Estudo Científico da Religião , para o futuro da religião: Secularização, Revival, e Formação Cult (1985, com William Sims Bainbridge ), e para a churching da América 1776-1990 (1992, com Roger Finke ).

Início da vida e da educação
Stark cresceu em Jamestown, Dakota do Norte , em uma família  Luterana. Ele passou um tempo no Exército dos Estados Unidos , antes de se formar em jornalismo pela Universidade de Denver , em 1959. Ele trabalhou como jornalista para o Oakland Tribune, de 1959 até 1961, então perseguiu o trabalho de pós-graduação, obtendo seu mestrado em Sociologia pela Universidade da Califórnia , Berkeley em 1965 e seu doutorado, também de Berkeley, em 1971.

Idiomas para ver o blog:

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

CATECISMO da ICAR

PESQUISE NA BÍBLIA CATÓLICA

PERGUNTE e RESPONDEREMOS

Acessos

Curta a nossa página!

Postagens mais lidas

COMENTÁRIOS

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger