A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Cinco impossibilidades em Deus que não ferem sua ONIPOTÊNCIA e para nosso bem

Cinco impossibilidades em Deus que não ferem sua ONIPOTÊNCIA e para nosso bem

Written By Beraká - o blog da família on segunda-feira, 22 de dezembro de 2014 | 11:43









Tanto eu como você que lê este artigo, temos aprendido e ensinado que para Deus nada é impossível, esta é a verdade cristalina, pois esta bem tangível nas escrituras sagradas. 




“Pois para Deus nada é impossível” (Lc 1,37).


Porém esta frase, de um filósofo muito suspeito, por ser esotérico:Joseph de Maistre, tem muito de verdade:

"Ninguém afirma: `Deus não existe' sem antes ter desejado que Ele não exista".

Com efeito, o devedor insolvente gostaria que seu credor não existisse. O pecador que não quer deixar o pecado, passa a negar a existência de Deus.


Por isso, quando se dá as provas da existência de Deus para alguém, não se deve esquecer que a maior força a vencer não é a dos argumentos dos ateus, e sim o desejo deles de que Deus não exista. Não adiantará dar provas a quem não quer aceitar sua conclusão. Em todo caso, as provas de Aristóteles e de São Tomás a respeito da existência de Deus têm tal brilho e tal força que convencem a qualquer um que tenha um mínimo de boa vontade e de retidão intelectual.



Não existe, e nem pode existir nenhuma contradição em Deus



Pode existir contradições  em nós, ou seja,  em nossa inteligência limitada. A contradição é  uma imperfeição, uma falha ou uma fraude, e portanto se houvesse contradição  em Deus ele não seria Deus. Aristóteles, e São Tomás de Aquino demonstram  que Deus é Ato puro, ou seja, contém todas as perfeições e qualidades do “SER”.



O fato de Deus ser Onipotente, não significa que Deus possa fazer qualquer coisa ilógica. Deus não pode fazer um absurdo, como por exemplo: um triângulo de quatro lados, nem pode cometer um pecado, por exemplo fazer uma injustiça com um homem, criar um outro Deus igual a Ele, e não pode deixar de existir, pois é um ser eterno. A Onipotência de Deus significa que ele tem o poder de fazer qualquer bem. E nisto consiste a absoluta liberdade de Deus, sempre fazer o que é certo, sempre fazer o que é bom.




Nós, por não sermos deuses, e por causa do pecado original, temos uma falha  em nossa liberdade. Nós podemos, e muitas vezes escolhemos o errado. Deus nos dá sempre força para que façamos o bem, mas por nossos defeitos, e nossas fraquezas, muitas vezes preferimos fazer o errado.




O fato de Deus pela sua Onisciência conhecer  e prever o futuro porque está fora do tempo, não nos tira a liberdade. Assim, por exemplo:




“Se eu vejo um cego  caminhando para um abismo eu sei que ele irá cair no abismo. Se eu o aviso  do abismo, mas ele insiste em continuar no caminho eu sei que ele cairá, mas  ele não cairá por que eu sei, mas devido a sua obstinação. Assim age Deus  conosco ele sabe o que faremos, mas isto não nos tira a liberdade.”





Ademais, a Bíblia usa uma linguagem antropomórfica, ou seja, algumas expressões  são imagens para nos fazer compreender melhor as atitudes de Deus, por exemplo: a expressão "a mão de Deus", ora, Deus não tem corpo e portanto, não  poderia ter mão.



Na Suma Teológica, logo depois da exposição das provas da existência de Deus, você encontrará exatamente as qualidades próprias de Deus.E a primeira delas na Suma é sobre a oniciência de Deus e a perdição das almas.


Deus existe na eternidade, fora do tempo



Para Deus não há antes, agora ou depois. Ele conhece tudo no mesmo eterno e fixo agora. Ele não sabe o que faremos, antes de que nós façamos algo, porque para Deus tudo é agora. Deus nos criou para o bem, e para sermos eternamente felizes com Ele. Ele nos dá toda a ajuda que necessitamos para nos salvar. Mas, para que ser justo ao nos dar o prêmio eterno, Ele nos fez livres e responsáveis por nossos atos.



“Seres sem liberdade não podem ser nem premiados, nem castigados. Deus nos fez seres livres, para poder nos premiar. Por isso, o saber de deus não condiciona a nossa liberdade. Nós não agimos porque Deus sabe, mas Deus sabe porque agimos.”



Um exemplo:



Se estamos no alto de uma torre da qual vemos um cego caminhando em direção a um abismo, nós gritamos avisando-o do perigo. Se ele continua a andar na mesma direção apesar de nosso aviso, nós sabemos que ele irá morrer. Mas ele não morre porque nós sabemos. Morre porque quis, porque repeliu nosso aviso. Não foi o nosso saber antecipado que determinou sua ação. Nós previmos a sua morte, mas não a causamos. Do mesmo modo, Deus sabe o que faremos, mas não é o saber dele que determina nossa ação. Escolhemos livremente o que queremos. Só vai para o céu quem Deus leva. Só vai para o inferno quem livremente por suas ações deliberadas e conscientes o quer, e fez por fazer sem arrependimento.




Com relação a existência do mal, antes de tudo, há que distinguir mal ontológico, e mal moral. Os gnósticos se perguntavam de onde vem o mal ?.



Deus é bom e tudo o que ele fez é bom. É o que se lê no Gênesis capítulo I, Deus dizia ser boa cada coisa que Ele criava. E, contemplando o conjunto de sua obra, Deus disse que o todo era "muito bom". Portanto tudo o que existe é bom.O ser é na medida que tem qualidades em ato.Deus sendo ato puro é bem absoluto.



Tudo o que Ele criou é bem, mas não bem absoluto




Existe o bem e mal relativos. Toda criatura é boa, mas seu bem é limitado, finito, relativo. Então toda criatura, não tendo o bem absoluto, carece de algum bem, e nesse sentido restritivo, teria carência de uma bem maior que ela.  




Por outro lado, o mal não pode existir enquanto ser



Como explicou Santo Agostinho em seu livro Contra Manicheos, existir é melhor do que não existir. Existir é um bem. Se o mal absoluto existisse, ele teria o bem da existência. Então não seria mal absoluto.



O mal é uma falta de ser, uma falta do que devia existir, ou uma falta de ordem.



Se me faltasse um braço, isso seria um mal. Um buraco na pista de uma rodovia é um mal, pela falta de asfalto.Se tenho uma orelha a mais na fronte, isso seria um mal pela falta de ordem.A treva não existe. O que existe é a luz. A treva é uma falta de luz.O inferno existe, então ele é um bem, pois faz justiça.



Por outro lado, o mal moral existe.


“Roubar é um mal moral. Mas roubar não é uma coisa. É uma ação. Não há então coisas más, mas pode haver ações más. Não há substantivos maus. Há verbos maus. Mentir, roubar, adulterar, fraudar são verbos que indicam ações más. Quando alguém rouba, faz uma desordem nos bens. O dinheiro que se busca roubando é bom. É um bem. Mas a Justiça é um bem maior que o dinheiro. Roubar é colocar o dinheiro (bem menor) acima da justiça (bem maior). Roubar é desordenar bens. Roubar é uma ação má. Roubar é pecado por desordenar os bens.”





A lei é a expressão da Vontade de Deus



A lei natural é a própria Vontade de Deus enquanto governa a natureza. Por isso, tudo o que vai contra a natureza vai contra a Vontade de Deus.
   



Questionar com sinceridade de coração, como fez Maria na anunciação é um bem, pois compreendemos para melhor crer.Deus nos mandou que o amássemos com todo o entendimento, porque só podemos amar aquilo que conhecemos. Ninguém pode amar "xoró no avesso", porque "xoró" não existe. Imagine no avesso...



“Portanto, para amar a Deus devemos procurar conhecer todo o possível a respeito D’ele, pois se ama aquilo que se conhece. Por isso o estudo é a fonte da que alimenta o amor. Todo amor vem do conhecimento. Pergunte, estude e ame a Deus com toda a sua inteligência e vontade.”



As escrituras sagradas é sem duvida alguma a palavra de Deus, ela não é produto da mente humana. Mais a verdade é que existem coisas que para Deus são impossíveis, coisas que vão contra a sua essência ou natureza, isto é, tudo o que é essencial ao seu ser como Deus. Se tornando para Deus não impossíveis para Ele, mas não realizáveis, pois não teriam sentido, lógica e utilidade a sua realização.Exemplos:




1. É impossível que Deus minta.


Deus não pode mentir, porque seria contrario a sua natureza. Deus é absolutamente fidedigno e verdadeiro em tudo quanto diz, e faz, e a sua palavra também é a verdade (Is 45,19; Jo 17,17).


“Para que por duas coisas imutáveis, nas quais é impossível que Deus minta, tenhamos a firme consolação, nós, os que pomos o nosso refugio em reter a esperança proposta” (Hb 6,18).


As escrituras sagradas nos revelam que: “em esperança da vida eterna, a qual Deus que não pode mentir, prometeu antes dos tempos dos séculos” (Tito 1,2).




2. É impossível Deus mudar


Deus é eterno como diz o escritor aos Hebreus... “mas este, porque permanece eternamente, tem um sacerdócio perpétuo (imutável)” Hb 7,24. Por isso não esta sujeito ás variações e circunstâncias do tempo, portanto ele não muda.


“Toda boa dádiva e todo dom perfeito vêm do alto, descendo do pai das luzes, em quem não há mudança, nem sombra de variação”Hb 1,17.


“...tu porém, és o mesmo, e os teus anos jamais terão fim”Hb 1,12.



“Jesus Cristo é o mesmo ontem (passado) e hoje (presente) e eternamente (futuro)”. Hb 13,8.



“Eles perecerão, mas tu permanecerás; todos eles, como uma veste, envelhecerão; como roupa os mudará, e ficarão mudados. Mas tu és o mesmo, e os teus anos nunca terão fim”. Sl 102,26-27.


Sendo Deus absolutamente perfeito em sua natureza não pode mudar nem para melhor, nem para pior. Tudo que esta em nossa volta esta em constante processo de mudança, e movimento, mas Deus permanece o mesmo. Pois conforme São Tomás de Aquino: Toda mudança e ou movimento, significa imperfeição, portanto Deus é imóvel como já havia concluído os filósofos anteriores a ele, tais como Aristóteles.



3. É impossível Deus ser tentado pelo mal.



“... porque Deus não pode ser tentado pelo mal...” (Tiago 1,13).




4. É impossível Deu tentar alguém a fazer o mal



Ninguém que peca pode lançar a culpa em Deus por ter pecado. Ele pode nos provar, para que possamos saber quem somos e fortificar a nossa fé, mais nunca nos induzir ao pecado.


“Ninguém, sendo tentado, diga: de Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e a ninguém tenta”. (Tiago 1,13).


“Não veio sobre vós tentação, se não humana; mais fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis; antes, com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar”. (I Coríntios 10,13).



5. É impossível Deus rejeitar alguém.



“O senhor jamais rejeitará aquele que vem a Ele arrependido...” (Sl 51,17.



“Todo o que o pai me dá virá a mim; e o que vem mim de maneira nenhuma o lançarei fora...”(João 6,37).




Conclusão:



Estejamos com os nossa fé, e corações firmados no Deus todo poderoso, que nunca ira falhar em seu caráter, atributos e nas suas promessas, pois ele é fiel e justo. Nós é que somos falhos em nossos julgamentos, caráter e em nossas promessas.


“Louvado seja N. Senhor Jesus Cristo”



*Caso queira saber mais e participar de nosso apostolado, bem como agendar palestras e cursos em sua paróquia, cidade,pastoral, e ou movimento da Igreja, entre em contato conosco  pelo e-mail:  


filhodedeusshalom@gmail.com
Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger