A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas no todo ou em parte, não significa necessariamente, a adesão às ideias nelas contidas, nem a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Todas postagens e comentários são de inteira responsabilidade de seus autores primários, e não representam de maneira alguma, a posição do blog. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo desta página.
Home » , , » Qual a diferença entre "discurso de ódio e indignação?"

Qual a diferença entre "discurso de ódio e indignação?"

Written By Beraká - o blog da família on quinta-feira, 6 de julho de 2023 | 12:01



 


-O ódio é um sentimento de profunda antipatia, desgosto, aversão, raiva, rancor profundo, horror, inimizade, ou repulsa emotiva e irracional, contra uma pessoa ou grupo, acompanhado do desejo de evitar, limitar, destruir, ou escorraçar da face da terra. Tanto quanto o amor, o ódio nasce de representações e desejos conscientes e inconscientes.








-A indignação é uma manifestação de "descontentamento", com racionalidade, seguida de palavras ou atitudes que evidenciam o grau do descontentamento e a necessidade de mudanças para o bem de todos, e não apenas para uma parcela da sociedade.



 

ATENÇÃO! Indignação não é ódio!



Por carlosgazeta@hsjonline.com

 


 




 

É no confronto que as ideias se burilam e a verdade sobressai acima do lixo. Calar a voz do adversário é sempre um truque sujo, e no mais das vezes ineficaz no médio e longo prazo. O discurso politicamente correto descobriu um raciocínio falacioso que, na estrita medida do seu controle da mídia, pode censurar previamente qualquer manifestação conservadora. 







O mecanismo é o seguinte: lança-se uma campanha dizendo que o mar é gasoso e o céu é líquido, homens são mulheres se assim o quiserem, maconha é remédio, o absurdo que for. Vende-se em seguida esta campanha como sendo em prol de supostos direitos de alguém. Assim, o racismo evidente das cotas universitárias torna-se “proteção do negro”; o ataque à honradez feminina cometido por “marchas das vadias” e demais ocasiões de depreciação pública da dignidade feminina torna-se, de alguma maneira mágica, na cabecinha de quem as inventa, uma maneira de, paradoxalmente, aumentar esta mesma dignidade, e por aí vai.

 




 





Devemos ser capazes de defender de forma racional e convincente, aquilo que temos por caro e para o bem de todos!

 






Num salto lógico ainda mais arriscado, verdadeiro twist carpado da argumentação, presume-se então que qualquer reação de indignação em função dos absurdos pregados – normalmente coisas inauditas um ou dois anos antes – é movida por ódio àquele que estaria supostamente sendo protegido. Desta forma, o cavalheirismo básico de oferecer um casaco para cobrir uma moça que protesta seminua torna-se machismo, um ato de ódio contra a mulher e contra a dignidade feminina. A indignação com a assunção que justifica as cotas universitárias, de que a inteligência é inversamente proporcional à melanina, torna-se, num verdadeiro golpe de judô contra as evidências e a lógica, uma forma de racismo, e dos piores: um racismo movido por ódio a outra “raça”.

 






Assim ficam todos pisando em ovos, com medo de ofender e ser acusado de “discurso de ódio”, discurso este que – próximo passo – mereceria censura prévia, e não teria direito de expressão. E isto em uma sociedade que lutou para se livrar da censura dos governos militares, em uma sociedade em que vicejam discursos verdadeiramente de ódio, como os apelos à luta e o já ultrapassado "ódio de classes" pregados e motivados por partidos de "extrema-esquerda".

 








É no confronto que as ideias se burilam e a verdade sobressai acima do lixo. Calar a voz do adversário é sempre um truque sujo, e no mais das vezes ineficaz no médio e longo prazo. Ao contrário, devemos ser capazes de defender aquilo que temos por caro, assim como devem poder defender suas ideias os que querem modificar radicalmente a sociedade. 










Mas, para que isso seja possível, é necessário que haja debate, que nenhuma ideia seja considerada “discurso de ódio” por razões transversas. 









Mesmo o discurso de ódio verdadeiro acaba por se mostrar tão imbecil que ninguém com QI normal o adota. O racismo real é apanágio de boçais.

 










Precisamos de mais luz nos debates políticos, não de indignações seletivas, ódio do bem, e censura liminar"

 



 






 

Fonte:https://www.gazetadopovo.com.br/opiniao/colunistas/carlos-ramalhete/indignacao-nao-e-odio-1q2uvdhjwmgirpwv63wribhrb/




........................................





APOSTOLADO BERAKASH - A serviço da Verdade: A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. As notícias publicadas nesta página são repostadas a partir de fontes diferentes, e transcritas tal qual apresentadas em sua origem. Este blog não se responsabiliza e nem compactua com opiniões ou erros publicados nos textos originais. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com as fontes originais para as devidas correções, ou faça suas observações (com fontes) nos comentários abaixo para o devido esclarecimento aos internautas.Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.Não somos bancados por nenhum tipo de recurso ou patrocinadores internos, ou externo ao Brasil. Este blog é independente e representamos uma alternativa concreta de comunicação. Se você gosta de nossas publicações, junte-se a nós com sua propaganda para que possamos crescer e fazer a comunicação dos fatos, doa a quem doer. Entre em contato conosco pelo nosso e-mail abaixo, caso queira colaborar de alguma forma:

 

 

 

 

filhodedeusshalom@gmail.com

 

Curta este artigo :

Postar um comentário

Todos os comentários publicados não significam a adesão às ideias nelas contidas por parte deste apostolado, nem a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido(a), desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados. Os comentários serão analisados criteriosamente e poderão ser ignorados e ou, excluídos.

TRANSLATE

QUEM SOU EU?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado APOLOGÉTICO (de defesa da fé, conforme 1 Ped.3,15) promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim" (João14, 6).Defendemos as verdade da fé contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha a verdade, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por ela até que Ele volte(1Tim 6,14).Deus é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade. Este Deus adocicado, meloso, ingênuo, e sentimentalóide, é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomás de Aquino).Este apostolado tem interesse especial em Teologia, Política e Economia. A Economia e a Política são filhas da Filosofia que por sua vez é filha da Teologia que é a mãe de todas as ciências. “Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao vosso nome dai glória...” (Salmo 115,1)

POSTAGENS MAIS LIDAS

SIGA-NOS E RECEBA AS NOVAS ATUALIZAÇÕES EM SEU CELULAR:

TOTAL DE ACESSOS NO MÊS

ÚLTIMOS 5 COMENTÁRIOS

ANUNCIE AQUI! Contato:filhodedeusshalom@gmail.com

SÓ FALTA VOCÊ! Contato:filhodedeusshalom@gmail.com

SÓ FALTA VOCÊ! Contato:filhodedeusshalom@gmail.com
 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger