A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Ativista Sara Winter uma Presa Política? Sim, ou Não ?

Ativista Sara Winter uma Presa Política? Sim, ou Não ?

Written By Beraká - o blog da família on segunda-feira, 15 de junho de 2020 | 22:23





Conforme matéria do o Globo  no link de referências abaixo, disse a advogada de Sara Winter, Renata Félix:




“Vamos lutar de todas as formas porque estamos vendo que isso é uma prisão política. Outro advogado de Sara Bertoni Barbosa de Oliveira, reclamou que a prisão da militante foi baseada em um mandado genérico...”






























Já conforme informações do Metrópoles, após ter sido presa na manhã de segunda-feira (15/06/2020), a ativista Sara Winter, líder do grupo “300 pelo Brasil”, ficou por cerca de 1 hora depondo na Polícia Federal. Os advogados da ativista, Bertoni Barbosa de Oliveira e Renata Tavares, falaram com a imprensa ao final e alertaram:



“Sara corre risco de vida, pois ela sempre foi uma crítica dos bandidos e corre risco se for para a penitenciaria feminina do DF. Precisamos urgentemente ter acesso aos arquivos para poder trabalhar com a liberação. Se ela morrer, o sangue estará nas mãos dos ministros do STF...”




























A defesa ressaltou o motivo da prisão da ativista não necessariamente está ligado ao inquérito das fake news.



“A prisão temporária refere-se a suposta ação contra o STF. Isso nunca existiu. Temos diversos álibis, testemunhas, filmagens da Esplanada, de colegas e outros canais”, assegurou o advogado Bertoni Barbosa de Oliveira.




Segundo o artigo 256 do Código de Processo penal:


"A suspeição não poderá ser declarada nem reconhecida, quando a parte injuriar o juiz ou de propósito der motivo para criá-la". 


Realmente, foi arbitrária a forma como ela foi presa (inquérito aberto pelo ministro e ordenado por ele mesmo), levando-se em consideração que a PF é que deveria ter feito isso, e até o  momento estas evidências não foram apresentadas nem pela PF e nem pelo ministro. O erro maior foi o ministro Alexandre apresentar uma liminar monocrática em vez de submete-la ao plenário, para que todos demais ministros opinassem já que o STF se trata de uma instituição "colegiada".






Estamos a viver um momento crítico de nossa história democrática em que temos atualmente no Brasil grupos e partidos que defendem abertamente a abolição da República para a implementação de um regime comunista de forma declarada e oficial, não sendo punidos e nem impedidos de receberem verba pública para concorrerem a eleições, mesmo com estas afrontas a Democracia, querendo instalar uma DITADURA DO PROLETARIADO. A pergunta que fica à maioria dos brasileiros que elegeram o atual presidente é: Porque medidas diferentes para um mesmo peso? Por que uns podem e o outros não? Teve até manifestação no dia anterior com faixa pedindo a ditadura proletária. E nada aconteceu. Então, inexplicavelmente, um dia depois uma pessoa foi presa por pedir o fim do STF? A sociedade exige esta explicação do por que deste tratamento diferenciado? 




Analisando o episódio com a ativista Sara Winter, ora, era tudo que ela queria, e agora irá usar isso politicamente em seu favor. O mais interessante é que o ministro Alexandre mordeu a isca. Apesar de que conforme o Portal R7, foi realmente o PGR que pediu a prisão dela, mas foi o ministro que concedeu de forma monocrática como se o STF fosse um juizado de primeira instância. Ainda segundo o portal R7, o mandado de prisão foi expedido pelo ministro da Corte Alexandre de Moraes a pedido da PGR, que segundo a mesma, a prisão é de cinco dias. 





































Alguns políticos usaram as redes sociais para falar sobre a prisão da blogueira bolsonarista e ativista Sara Winter, presa pela Polícia Federal, entre estes a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP). Ela revelou diálogos que teve com Sara antes de ela ser presa. Para Zambelli:


"A blogueira não é uma pessoa perigosa. A parlamentar chegou a perguntar: “Corro o risco de ser presa também?..."




Veja alguns depoimentos em destaque que circularam nas Redes Sociais:

















































EXISTEM OUTROS PRESOS POLÍTICOS?





Além de Sara Fernanda Giromini, que usa o codinome Sara Winter, existem outros dois defensores do bolsonarismo que estão na cadeia e têm recebido apoio nas redes sociais são eles: Antonio Carlos Bronzeri e Jurandir Alencar, presos há mais de um mês após organizarem um ato na frente do prédio do ministro Alexandre de Moraes, do STF, em São Paulo. Olavo de Carvalho tem pedido insistentemente que Bolsonaro os visite. Conforme o Metrópoles, assim disse Olavo de Carvalho:




“O Joesley [Batista, dono da J&F] e o Zé Dirceu podem até dissolver o STF, mas a Sara não pode nem soltar uma bombinha de São João no ar”, escreveu o guru em uma das postagens.































Apoiar Bolsonaro no atual Contexto não é uma opção. Se tornou agora uma necessidade!


Neste momento, metade da população brasileira encontra-se quieta em casa, esperando políticos decidirem sobre seu futuro. Uma minoria não concorda, mas não tem meios para reagir. Estamos numa situação muito pior do que nos anos em que o PT estava no poder, porque hoje o inimigo está invisível. Nunca estivemos tão perto de nos tornarmos uma ditadura socialista, porque agora não temos um alvo para apontar. Apenas sentimos uma rede se levantando sobre nossos pés. Quais armas temos para lutar contra isso? Meia dúzia de parlamentares sem voz na imprensa, textos na internet, e mais nada...


Opa! Temos sim!


Temos um presidente da república que vem tentando dar mais liberdade para as pessoas trabalharem, criarem seus filhos e se defenderem. Quando tivemos isso de um presidente da república? Nunca! Não podemos cair nas arapucas da esquerda. A melhor arma que temos contra o avanço do socialismo é Jair Bolsonaro. Muitos liberais precisam entender que política é uma guerra; e essa guerra está quase sendo vencida definitivamente pelo outro lado. Nós, daqui de baixo, não temos condições de escolher armas e soldados. Temos apenas que apoiar quem está enfrentando nossos inimigos. Precisamos ser pragmáticos, avaliar friamente os acontecimentos.


O fato é que nossas liberdades fundamentais estão sendo absurdamente reprimidas com apoio da imprensa e de toda a classe política (do GABINETE DO AMOR que quer uma DITADURA DE ESQUERDA), e que Jair Bolsonaro vem há meses lutando contra isso, o que mereceria o apoio de qualquer liberal que se preze. 









Jair Bolsonaro deve ser avaliado pelas pautas liberais que defende, não pelas que ele deixa de lado. Não são suas frases grosseiras que devem ser consideradas, mas seu esforço em promover avanços em áreas realmente importantes. Como um cidadão comum que destina voluntariamente parte do meu tempo à militância liberal, não me vejo em condição de rejeitá-lo por ele não ser o liberal dos meus sonhos.





No tal vídeo da reunião ministerial, tivemos ainda o prazer de ver Weintraub xingando de vagabundos os membros do STF e Damares dizendo que prefeitos e governadores que estão destruindo a economia deveriam ser presos. Eles manifestaram os sentimentos de milhões de cidadãos comuns. Manifestaram o que eu mesmo gostaria de dizer na TV. As pessoas precisam ouvir coisas assim, para se encorajarem a reagir às agressões que vêm sofrendo. Portanto, volto à minha posição de meses atrás em apoio a Jair Bolsonaro. Farei as críticas que precisar, mas não me desgastarei com suas imperfeições. Não me pendurarei no muro da covardia, com medo de ser chamado de “bolsonarista”. Enquanto o vir defendendo as liberdades mais fundamentais, relevarei quaisquer outros desvios. (Rodrigo Constantino)






CONCLUSÃO:




A que ponto chegamos em Pleno Séc XXI: Voltarmos a ter PRESOS POLÍTICOS ? Podemos até não concordar com as atitudes dela, mas que a mesma seja dada a ela o direito Constitucional às suas liberdades individuais, o AMPLO DIREITO DE DEFESA, que seja antes de tudo, investigada e julgada por um juiz de primeira instância, e não de última instância. Ela vai apelar para quem agora?. Lamentavelmente vivemos tempos difíceis onde as liberdades individuais, um avanço conseguido na atual Constituição, estão seriamente ameaçadas com atitudes deste tipo por parte de alguns membros do STF, não todos, para não ser injusto com a instituição.Realmente quem tem um mínimo de conhecimento é impossível levar a sério os opositores do Presidente Bolsonaro. Quem ver as acusações dirigidos a ele e a seu governo, só lamenta o baixo nível das argumentações e acusações, sempre imprecisas, sem fontes seguras ou imparciais. As informações são sempre vagas, ou mesmo tendenciosas. Afirmam gratuitamente sem provar minimamente qualquer acusação. Baseiam-se unicamente em premissas falsas, e provas fictícias, tudo na base do famoso “OUVI DIZER QUE”, e ainda se chateiam quando não damos atenção a estas infantilidades as quais chamamos de “mimimi”.





REFERÊNCIAS DE CONSULTA:





-https://jornaldebrasilia.com.br/politica-e-poder/politicos-se-manifestam-sobre-prisao-de-sara-winter/ (Visitado:15/06/20)


-https://www.youtube.com/watch?v=VtsePhhjq28 (Visitado:15/06/20)


-https://noticias.r7.com/brasil/ativista-sara-winter-e-presa-pela-pf-em-brasilia-15062020 (Visitado:15/06/20)


-https://oglobo.globo.com/brasil/defesa-de-sara-winter-diz-que-prisao-politica-1-24480216(Visitado:15/06/20)


-https://www.metropoles.com/brasil/advogados-de-sara-winter-dizem-se-for-para-penitenciaria-vai-morrer-la(Visitado:15/06/20)


-https://www.metropoles.com/brasil/olavo-de-carvalho-cobra-que-bolsonaro-visite-ativistas-pro-governo-presos(Visitado:15/06/20)



https://www.gazetadopovo.com.br/rodrigo-constantino/apoiar-bolsonaro-nao-e-uma-opcao-e-uma-necessidade/ (Visitado:15/06/20)


Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido(a), desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Os comentários serão analisados criteriosamente e poderão ser ignorados e ou, excluídos.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino) “Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao vosso nome dai glória...” (Salmo 115,1)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger