A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Por que a caridade está esfriando no mundo ? O que a palavra de Deus tem a dizer-nos sobre isto?

Por que a caridade está esfriando no mundo ? O que a palavra de Deus tem a dizer-nos sobre isto?

Written By Beraká - o blog da família on domingo, 2 de abril de 2017 | 11:29





Muitos nestes tempos difíceis e em que os dias são maus, ficam  procurando gurus,videntes, guias espirituais,seitas,filosofias, ideologias, etc. como cegos a conduzir cegos, mas a palavra de Deus nos dá o esclarecimento e a consolação para estes tempo que estamos vivendo, ou não ? Isto já era previsto?



"Então sereis entregues aos tormentos, matar-vos-ão e sereis por minha causa objeto de ódio para todas as nações. Muitos sucumbirão, trair-se-ão mutuamente e mutuamente se odiarão. Levantar-se-ão muitos falsos profetas e seduzirão a muitos.E, ante o progresso crescente da iniqüidade, a caridade de muitos esfriará.Entretanto, aquele que perseverar até o fim será salvo.Este Evangelho do Reino será pregado pelo mundo inteiro para servir de testemunho a todas as nações, e então chegará o fim." (Mateus 24,9-14)




Hoje, como no tempo de Paulo, vivemos cercados e pressionados pelo mal. O apóstolo, então, recomenda: “Os dias em que vivemos são maus, por isso aproveitem bem todas as oportunidades que vocês têm.” (Efésios 5,16).Desde a queda do primeiro casal, os dias têm sido contaminados pela maldade. É até uma ousadia, quando afirmamos que algum determinado século foi pior ou melhor. Biblicamente, o que podemos dizer é que, nas vésperas do juízo final, “a maldade se multiplicará”. Só que sabiamente, a data dos últimos dias o Senhor não nos revelou, mesmo quando os apóstolos perguntaram a Jesus. Em todo este contexto, ao invés de discutir quantitativamente o nível da maldade do mundo, Paulo resolveu nos dar uma orientação prática e espiritualmente construtiva.



Que atitude devemos tomar segundo as escrituras quando nos vemos cercados pelos dias maus?


A resposta do apóstolo: “aproveitem bem todas as oportunidades que vocês tem”. Nosso desafio é “vencer o mal com o bem”. Nosso privilégio é nos dedicar à obra do Senhor, vendo os campos “que estão prontos para a ceifa”. Por isso, “hoje, se ouvirdes a voz do Senhor, não endureçais o coração”. Os dias são maus, mas “hoje é o dia aceitável” para fazer as obras do Reino.




Os dias são maus. Não os dias que o Senhor tem preparado a cada manhã; não. Estes são bençãos para nós. São maus, os dias como o tempo cronológico dos homens. Homens insensatos que não compreendem a vontade do Senhor. Vivendo em ocasião do materialismo, prazeres, sedentos de algum poder e dominação com seus minutos de glória, tendo como ordem capital, impressionar pessoas, sem se preocupar com a vida de quem quer que seja.Em meio a todo esse delírio materialista e ideológico em que atualmente estamos vivendo, estejamos atentos para a maneira como agimos. É importante ter critério na hora de apoiar uma causa; ser prudente ao determinar o sentido da direção, e, bastante ponderado na organização de nossas vidas pessoal, familiar, profissional e comunitária.



Em nome do nosso Senhor Jesus Cristo; devemos agradecer as graças e permissões de Deus. A nossa vida cristã compreende em renovar nossas atitudes como resposta aberta ao dom recebido de Deus.Se algum de nós está agindo com extravagância é melhor tomar consciência e mudar, antes que seja tarde demais. A primeira direção é evitar as más sociedades, que desviam do caminho da integridade. Pois a vida cobra de cada um, o que cada um faz por conseqüências da própria escolha.Pior que nunca ter andado no caminho do Senhor, é ter parado de andar no caminho do Senhor. Isto é tanto mais grave, que, não ter se convertido. Porque se a sabedoria de Deus grita aos homens convidando-os a se converterem, o Diabo arrasta aqueles que desistiram covardemente das provações, se revoltam e blasfemam contra Deus e seus desígnios insondáveis.Não existe meio-termo para ninguém: ou seguimos o caminho da verdade, que leva para a retidão e a vida com Cristo, ou caímos na insensatez, que com aberração produz tirania e destruição.








As imagens e as notícias que nos chegam diariamente por meio de revistas, da TV e da Internet nos dão a certeza que os dias em que vivemos são maus. Dentre as notícias de guerras, doenças, corrupção e violência, roubos, estupros de vulneráveis, assassinatos a sangue frio. Somos impactados pelas imagens dos refugiados sírios tentando alcançar algum país que lhes dê abrigo.


O mundo se comoveu com aquela imagem do corpo inerte do garotinho que tentou atravessar o mar com o seu pai. O rosto prostrado na areia, os bracinhos estendidos ao longo do corpo, tendo como único agasalho uma camisetinha vermelha. O bumbum saliente denunciava uma possível fralda por baixo do shortinho azul. Suas perninhas curtas não tiveram forças para concluir a jornada. No Brasil as doenças não dão trégua, as finanças entram em colapso, as famílias se desagregam, o desemprego se alastra. É o medo do assalto, violências por qualquer coisa, é a corrupção, é a falta de esperança se alastrando.


Como diria Tom Jobim, é pau, é pedra, é o fim do caminho. Entretanto, a Bíblia revela que isto é apenas o princípio das dores e nós Cristãos, não estamos isentos de sofrer com essas tribulações que assolam o nosso país, em grau até mais elevado.Satanás se aproveita dessas situações para colocar dúvidas no meio dqueles que foram alcançados pela sua misericórdia e o experimentaram.


Será que Deus é um Deus de amor? Será que Ele realmente me ama ? Por que Ele permite isto ? Não se deixe enganar por Satanás. Ele é o rei da mentira e procura de todas as formas nos atingir. Seu primeiro objetivo é destruir a família. São casais que não se entendem mais, são pais que não sabem o que fazer com seus filhos, são filhos que não suportam seus pais. Saiba que o seu inimigo não é o seu cônjuge, não são os seus filhos, não são seus parentes, não é o seu chefe. O nosso verdadeiro inimigo é o diablos(adversário) e é contra ele que temos de lutar. Em Efésios 6,12 está escrito que “A nossa luta não é contra o sangue e a carne, mas, contra o príncipe das trevas, contra as potestades, contra as hostes espirituais do mal”.



O que esperar de bom em dias maus?


A misericórdia do Senhor! Somente pela sua misericórdia podemos resistir nos dias maus. Somente pela sua misericórdia nos colocamos novamente de pé para continuarmos na luta. O que esperar de bom em dias maus? As promessas do Senhor! A palavra de Deus é que nos dá a certeza da vitória final do bem sobre o mal.Ela é que nos garante que não ficaremos desamparados. Ela é que nos sustenta a cada dia.



Diante de todas as tribulações pelas quais o mundo está passando, não há tempo para lamentações. Temos de remir o tempo, utilizar bem o tempo que nos resta. É hora de todos os Cristãos se levantarem contra Satanás. Ele vem dominando o mundo porque não lhe temos feito oposição. Deus há de nos capacitar. Apropriemo-nos do texto de IICor 4,8-9: “Em tudo somos atribulados, porém não angustiados; perplexos, porém não desanimados; perseguidos, porém não desamparados; abatidos, porém não destruídos”. Assim como os refugiados procuram um lugar para morar, um lugar onde possam viver em paz, também assim são são os Cristãos. Somos peregrinos nesta terra. Aqui passamos por aflições, mas, sabemos que estamos aqui por breve tempo, a caminho da pátria celestial. “Pois a nossa pátria está nos céus, de onde também aguardamos o Senhor Jesus Cristo.” (Col 3,20). Se Deus nos colocou neste mundo, experimentar de seu amor eterno, pessoal, gratuito e misericordioso, não foi para ficar somente conosco, mas para levar esta mensagem de misericórdia e esperança para aqueles que não conhecem o Senhor, como também, para aqueles que já desistiram de lutar, para aqueles que se sentem derrotados, desanimados e sem esperança. Aqui passamos por aflições, mas, Deus já nos preparou um lugar, onde não haverá mais choro, nem doenças, nem separação, nem divisões, falta de etendimento, enfim, onde o mal não tem espaço para desenvolver-se. Além do que nossos olhos podem enxergar neste dias maus, está um Deus, todo poderoso, que nos ama de uma forma tão intensa e complexa que homem algum pode explicar. Somos alvo deste amor. Em meio às muitas provações, podemos nos voltar para o alto e dizer “Eu sou o amado de Deus!”.Tome a decisão de perseverar no Senhor, lutando a cada dia para vencer o inimigo deste mundo e tenho a plena convicção que você verá o mover de Deus sobre a sua vida, porque você foi escolhido desde o princípio para ser seu filho amado, dar frutos 100 x 1.


UMA PARÁBOLA QUE NOS AJUDARÁ A ENTENDER MELHOR: “O PAPEL EM BRANCO”


Certo dia, estava eu aplicando uma prova, e os alunos em silêncio tentavam responder as perguntas com uma certa ansiedade. Faltavam uns 15 minutos para o encerramento e um aluno levantou o braço, se dirigiu a mim e disse: Professor, pode me dar uma folha em branco? Levei a folha até sua carteira e perguntei por que queria mais uma folha em branco. Ele respondeu:“Eu tentei responder as questões, rabisquei tudo, fiz uma confusão danada e queria começar outra vez.” Apesar de pouco tempo que faltava, confiei no rapaz, dei-lhe a folha em branco e fiquei torcendo por ele. Aquela sua atitude causou-me simpatia.


Hoje, lembrando aquele episódio simples, comecei a pensar quantas pessoas receberam uma folha em branco, que foi a vida que Deus lhe deu até agora, e só tem feito rabisco, confusões, tentativas frustradas e uma confusão danada.Acho que agora, seria um bom momento para pedir a Deus uma folha em branco, uma nova oportunidade para ser feliz. Assim como tirar uma boa nota depende exclusivamente da atenção e do esforço do aluno, uma vida boa também depende da atenção que damos aos ensinamentos do nosso professor Deus. Não importa qual seja sua idade, condição financeira ou religião. Levante os braço, peça uma folha em branco a Deus, passe sua vida a limpo. Não se preocupe em tirar 10 e ser o melhor. Preocupe-se apenas em ter a simpatia do Mestre. Ele está mais interessado em quem pede ajuda. Portanto, só depende de você.




“Porque outrora vocês eram trevas, mas agora são luz no Senhor. Vivam como filhos da luz,pois o fruto da luz consiste em toda bondade, justiça e verdade;e aprendam a discernir o que é agradável ao Senhor.Não participem das obras infrutíferas das trevas; antes, exponham-nas à luz.Porque aquilo que eles fazem em oculto, até mencionar é vergonhoso.Mas, tudo o que é exposto pela luz torna-se visível, pois a luz torna visíveis todas as coisas.Por isso é que foi dito: "Desperta, ó tu que dormes, levanta-te dentre os mortos e Cristo resplandecerá sobre ti".Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios,aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus.Portanto, não sejam insensatos, mas procurem compreender qual é a vontade do Senhor...”Efésios 5,8-17



Que o Senhor te abençoe, guarde a tua vida e te dê a paz, verdadeiro Shalom do Pai que é próprio Cristo, que nada e nem ninguém pode nos dar.



“Disto me recordarei na minha mente; por isso esperarei.As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim, renovam-se a cada manhã; grande é a tua fidelidade.A minha porção é o Senhor, diz a minha alma; portanto esperarei n’Ele...” (Lamentações 3,21-24)



Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger