A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » , , » Aumenta a hostilidade anticristã pelo Mundo

Aumenta a hostilidade anticristã pelo Mundo

Written By Beraká - o blog da família on segunda-feira, 29 de julho de 2013 | 23:44



Os cristãos da Europa enfrentam prisões, multas, vandalismo e penalidades profissionais devido a uma tendência crescente de intolerância social e restrições governamentais, de acordo com um recente relatório.

O relatório liga a discriminação a uma onda de novas leis que de forma seletiva afetam os cristãos.

“É aqueles que lutam para viver de acordo com os elevados requisitos éticos do Cristianismo que experimentam um confronto,” não os cristãos nominais que se alinham com as tendências predominantes da sociedade, diz o Dr. Gudrun Kugler.


Kugler dirige o Observatório da Intolerância e Discriminação contra Cristãos, que lançou o relatório numa conferência internacional sobre tolerância e discriminação na Albânia em maio.



Os países europeus se orgulham de estar na vanguarda dos direitos humanos, muitas vezes usando foros como o Conselho de Direitos Humanos da ONU para pressionar outros países.

Contudo, o relatório revela uma explosão de novas leis que estigmatizam os cristãos e desafiam os direitos humanos internacionais como a liberdade de consciência, expressão e direitos dos pais.


1)- Na Holanda, apesar de um direito de não participar de procedimentos médicos antiéticos, os abortos são parte do treinamento obrigatório de obstetras e ginecologistas. Um tribunal do Reino Unido (RU) ordenou que duas parteiras católicas supervisionassem outras parteiras cometendo abortos.


2)- A Suécia não permite nenhum direito de consciência para profissionais da saúde, parteiras, estudantes de medicina ou farmacêuticos.

3)- Os escrivães civis da Irlanda podem ser presos por até seis meses se não celebrarem cerimônias de mesmo sexo. Igrejas podem ser multadas por não permitirem que sua propriedade seja usada para celebrações de mesmo sexo.


4)-A França proíbe discursos negativos contra a homossexualidade. Os pregadores cristãos de rua, manifestantes pró-vida e um casal cristão numa conversa particular foram acusados de violar uma lei inglesa contra palavras ou conduta “com probabilidade de provocar importunação, susto ou angústia.”


5)-Embora as marchas de orgulho gay sejam permitidas, o direito dos cristãos se associarem é visto com suspeita. Protestos silenciosos, aconselhamento e orações na frente de clínicas de aborto podem resultar em prisões por assédio na Áustria.


6)-Os donos de uma pensão cristã na Inglaterra foram multados por não alugarem um quarto em sua casa, onde eles vivem com seus filhos, para uma dupla homossexual. A Holanda exige que os órgãos governamentais quebrem contratos com entidades particulares que objetam participar de uniões homossexuais.


7)-Um médico cristão na Inglaterra foi demitido por mandar por e-mail uma oração aos colegas. Um juiz deu o veredicto de que os cristãos não têm nenhum direito de se abster do trabalho nos domingos afirmando que não é “um componente essencial” de suas convicções.
8)-Os pais têm o direito universal de educar seus filhos. Entretanto, a educação escolar em casa é criminalizada na Alemanha, enquanto a Áustria ameaça tirar os filhos das famílias. A educação sexual explícita da Suécia é obrigatória para crianças, onde uma menina de 11 anos fez dois abortos sem o consentimento de seus pais.

O relatório pressupõe que essas leis estimulam um clima hostil que permite impunidade aos ataques.


Um artista da Eslovênia colocou fogo numa cruz o mesmo ato que ele cometeu 10 anos antes, mas foi inocentado no tribunal. Uma livraria católica na França sofreu vandalismo 26 vezes sem nenhuma resposta das autoridades públicas ou meios de comunicação. A Associação Polonesa de Futebol proibiu cruzes e Bíblias como “materiais racistas e xenofóbicos.”



Na França, 84% dos vandalismos em 2010 foram contra lugares cristãos. Uma cidade da Espanha proibiu um bispo de eventos oficiais da cidade por criticar os estilos de vida homossexuais.


“Os cristãos não estão pedindo tratamento especial,” disse Gary Streeter, membro do Parlamento da Inglaterra, “mas estamos buscando oportunidades iguais, para que convicções sinceras recebam espaço igual em nossas leis e em nossa sociedade.”


Abortistas em plena missa INVADEM Catedral no Chile, destroem, blasfemam e expõem suas entranhas de ódio à Igreja de Jesus Cristo.

Centenas de abortistas quebraram na Catedral de Santiago (Chile), em plena missa, confessionários, destruíram altares fizeram  pinturas e imagens, jogaram  lixo e gritaram blasfêmias. Os fiéis presentes, entre os quais estavam o prefeito da capital, Carolina Toha, tentaram impedir que a profanação chegasse ao altar.

Dentro da noite, os fiéis foram celebrar a festa de St. James, em uma missa presidida pelo arcebispo local, Dom Ricardo Ezzati, quando abortistas inesperadamente entraram  no templo para completar a sua marcha "Eu aborto em 25 de julho ".

Entre os participantes estavam os membros da Articulação Feminista Freedom of Choice, que tem Isabel Carcamo como representante disse à CNN do Chile, não compartilhar o ataque, mas entendeu "a ira do povo" contra a Igreja, porque o aborto não é legal no país .

Hazteoir.org Conforme relatado na marcha não faltam "as provocações de mulheres seminuas ou fetos banners com silhuetas em um fundo de sangue." Uma vez dentro do templo, cerca de 300 abortistas atacaram bancos puxando móveis para a rua com a intenção de queimar, destruindo um confessionário, e realizando várias pinturas no interior do local de culto, pintando "blasfêmia contra Deus e a Virgem Maria e demonstrando  ódio contra os católicos”.


O Bispo Auxiliar de Santiago, Dom Pedro Ossandón, disse que "estávamos comemorando a missa da festa de São Tiago, é claro, com a presença do Prefeito (Carolina Toha), e também para agradecer a muitos católicos que fazem o serviço público numa atmosfera de paz e privacidade, e de repente entraram os manifestantes, e a verdade é que estamos sempre em diálogo, e no debate a altura, acredita na razão pela qual Deus nos deu. "

"Então, convidou a todos para se manifestar como quiser, mas a fazê-lo no ambiente de um estado de direito, a democracia, respeitando plenamente a dignidade das pessoas", disse ele. O Bispo Auxiliar lamentou o que aconteceu e chamou as pessoas  a demonstrarem "um clima, especialmente neste momento em que o Chile passa a  escolher candidatos a presidente e parlamento, que tenham o cuidado em manter o Estado de Direito".

Finalmente, os aborteiros foram expulsos pelos guardas da Catedral e os fiéis, enquanto a polícia dispersou os manifestantes que estavam no exterior, fazendo alguns prisioneiros por baderna e vandalismo gratuito.

De acordo com o comandante da Terceira Delegacia de Santiago, Alex Moreno Farfán, vários envolvidos foram presos na rua, como o arcebispo pediu para não operar dentro da catedral, a fim de evitar que a situação se agrave. Funcionários da polícia afirmaram que era o crime era de dano qualificado ao monumento nacional. A Igreja vai apresentar uma queixa contra os responsáveis.


ACI-Digital 
Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger