A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » A maioria que odeia Bolsonaro são: Baderneiros,Corruptos,Comunistas, ante Família e ante Cristão, já perceberam?

A maioria que odeia Bolsonaro são: Baderneiros,Corruptos,Comunistas, ante Família e ante Cristão, já perceberam?

Written By Beraká - o blog da família on quarta-feira, 24 de junho de 2020 | 23:18








EU COMPREENDO QUEM ODEIA BOLSONARO!





Eu confesso que também já tive o preconceito que me impedia de conhecê-lo e apoia-lo.Assim que seu nome surgiu como forte candidato eu pensei: "Sério? Como alguém pode apoiar um cara desses?" Mas eu sempre admito minhas ignorâncias e resolvi tentar entender porque tantos pensavam diferente de mim. TALVEZ eu pudesse estar enganada! Afinal, eu só conhecia o cara pelo que diziam dele. Nunca tinha parado para escutá-lo de verdade. E arrogância é o que impede o conhecimento mais amplo! Passei dias e horas pesquisando sobre o REAL Bolsonaro (dá um trabalho da p... vasculhar verdades no meio dessa guerra de tronos incentivada por muita manipulação) e comecei a entender o pânico que os cara que a vida inteira se deram bem às custas do dinheiro do povo, estavam sentindo. Não era à toa que estavam querendo nos fazer acreditar que ele era racista, homofóbico, racista e preconceituoso. A cada dia fui me surpreendendo e como todos sabem - alguns chocados tipo "como Martinha pode ter ficado tão cega" - me tornei não apenas sua eleitora, mas sua defensora. O cara passou anos gritando sozinho algumas verdades nuas e cruas! Não era à toa que tanta gente estava comprando seu cansaço do politicamente correto que corrompia crianças e jovens, e jogava minorias contra a maioria, num esforço tremendo de dividir o povo e enfraquecê-lo.









EU COMPREENDO QUE NÃO CONSIGAM OUVIR NA ÍNTEGRA, SEM EDIÇÃO, OU COMENTÁRIOS, SUAS ENTREVISTAS.




Eu também já não consigo sequer ouvir a voz do Lula, da Dilma, da Gleise, da Maria do Rosário e do Freixo.A diferença é que eu passei anos ouvindo esses safados, e vi o que NÃO fizeram no país.








Não acabaram com a fome, nem atenuaram a desigualdade. Deram esmolas! Usaram a fome do povo para aquirir votos!Não resolveram o problema do desemprego, da burocracia e da falta de saneamento básico. Não construíram creches nem escolas e ainda mentiram dizendo que a faculdade é para todos, independentemente de estar pronto! Não construíram hospitais melhores - trouxeram para o país médicos que sequer puderam trazer suas famílias porque vieram de um país onde não há liberdade alguma! E agora tememos um colapso do nosso Sistema de Saúde por causa de uma gripe...que se espalha mais rápido que fake news e mentiras! Não investiram em nossos portos, estradas e aeroportos. E ainda deram nosso dinheiro para que ditaduras de esquerda pudessem crescer! Não reviram leis que impediam nosso crescimento. Nada fizeram para que índios pudessem sobreviver de maneira sustentável. Pelo contrário! Fizeram de tudo para mantê-los como atração turística de Zoológico!



Ontem à noite ouvi a entrevista que Bolsonaro deu aos jornalistas na porta do Palácio. Quase compartilhei, mas pensei: "O que adianta? Quem precisa ouvir, não vai ouvir!" Uma pena! Entrevista sensata! Inteligente! Acalmando a população, explicando a importância da prevenção, mas alertando para a realidade nua e crua que se o país parar será o caos (o caos tão desejado por aqueles que só querem a volta ao poder para continuar a roubar o dinheiro do povo!). Informou que estava tentando organizar duas coletivas: uma à tarde com seus ministros e outra à noite com o chefes dos outros poderes!








COMPREENDO O ÓDIO dos que não se dão ao trabalho de conhecer porque tem tanta gente apoiando o cara. A arrogância de um povo é tudo que os manipuladores precisam para mudar a História!



(Texto de Marta Sertã de Paula)




POR QUE O SISTEMA POLÍTICO, A MÍDIA E OS PODEROSOS ODEIAM JAIR BOLSONARO?



Bom, acontece que há décadas o Brasil era governado pela esquerda — ora mais light (PSDB), ora mais radical (PT) — sempre apoiados pelos partidos “prostitutas” (pagou, levou) do jogo político. A “briga” entre PT e PSDB sempre foi falsa, tanto é verdade que na eleição presidencial de 2010, ano que Serra era o candidato tucano, Lula comemorou o fato de não haver candidato da “direita” no pleito.



PSDB e PT são tão “inimigos” que o FHC foi depor A FAVOR de Lula em um processo da Lava-Jato.


Logo, PT, PSDB e a afins só querem a mesma coisa: o poder. Os demais partidos políticos só querem a mesma coisa: cargos e ministérios.


Jair Messias Bolsonaro surgiu nesse cenário como a única alternativa de mudar o sistema, visto que o mesmo não esteve comprometido com ideais do PT, nem do PSDB, nem de Partido nenhum.



Quem lembra daquela eleição na eleição da Câmara dos deputados em 2 de fevereiro de 2017? Bolsonaro conquistou apenas 4 votos dos parlamentares, o que mostrou claramente que ele não tem nada em comum com ninguém da velha política. O juiz Joaquim Barbosa e o próprio Fernandinho Beira Mar falaram que Bolsonaro não tinha rabo preso com político algum, sendo um dos poucos que se recusou a receber propina.




Jair Bolsonaro foi o ÚNICO candidato realmente de direita na disputa de 2018



Ele seguiu toda o período eleitoral com ideais de estado mínimo, livre mercado, leis duras contra a criminalidade, defesa da família e entre outras que são política aplicadas em países de primeiro mundo. Bolsonaro só contou com o apoio popular. Antes, trataram ele como uma piada, assim como fizeram com o Trump nos EUA. Agora, vendo que mesmo após eleito, Bolsonaro segue cumprindo tudo o que prometeu e arrastando apoiadores por onde passa, a mídia segue em desespero. Por isso, PT, PSDB e outros partidos perderem aquilo que mais apreciam: o poder. Com medo de perderem novamente em 2022, tentam desconstruir Bolsonaro como fizeram com o Enéas.




Apoiar Bolsonaro é dar uma chance ao Brasil para ser grande novamente. O nosso povo está se livrando de uma vez por todas do ideal retrógrado esquerdista.É por isso que o sistema político, a mídia globalista e os poderosos odeiam tanto Jair Messias Bolsonaro.




FONTE:https://conexaopolitica.com.br/analise/por-que-o-sistema-politico-a-midia-e-os-poderosos-odeiam-jair-bolsonaro/






Por que Globo e Folha odeiam Bolsonaro?



(Por Moisés Mendes - 5 de dezembro de 2019)


Se não estivessem sob o ataque de Bolsonaro, que tomou a iniciativa da guerra, Globo e Folha teriam a mesma fúria contra a criatura que ajudaram a inventar com o golpe de agosto de 2016?


Foi Bolsonaro quem determinou que Globo e Folha eram inimigas e deveriam ser derrotadas, e não o contrário.


No dia 1º de dezembro de 2017, Bolsonaro declarou, em vídeo caseiro, no primeiro ataque direto ao que definiu como “trabalho sujo da Globo”, quando ainda era pré-candidato:


“Vocês aí têm uma audiência de 40% (referindo-se à Globo). Mas pegam 80% da propaganda oficial do governo, que em grande parte sustenta a mídia. Se eu chegar lá, vou fazer justiça, vão perder metade disso, vão ganhar só 40%”.



Lula liderava as pesquisas e Bolsonaro vinha em segundo. A Folha só iria ser atacada diretamente no dia 29 de outubro do ano passado, quando Bolsonaro, já eleito, concedeu entrevista ao Jornal Nacional. Ao comentar reportagens da Folha sobre seus assessores laranjas, Bolsonaro disse que:




“Por si só, esse jornal se acabou”. E completou: “Não quero que [a Folha] acabe. Mas, no que depender de mim, imprensa que se comportar dessa maneira indigna não terá recursos do governo federal”.



A partir daí, a guerra não teve tréguas!


1)-Bolsonaro reduziu as verbas do governo para a Globo.


2)-Tentou acabar com a obrigatoriedade de publicação de balanços de empresas em jornais (a MP caducou por boicote da base aliada).


3)-E determinou que o Planalto cancelasse as assinaturas online da Folha.







Nunca os jornalistas de Globo (TV, rádio e jornal) e Folha estiveram tão à vontade para bater num governo de direita como agora. Talvez nem nos governos petistas a artilharia das duas organizações tenha sido usada com tanta intensidade, todos os dias, na direção de Brasília. Até o Merval bate na direita. Não há, na Globo e na Folha, ninguém que defenda Bolsonaro. As concessões são feitas apenas a figuras, em especial Paulo Guedes e Sergio Moro. O caçador de Lula e fornecedor de grampos ilegais merece tratamento Vip. A dívida da Globo com Moro é impagável.





Guedes é exaltado pela sua obstinação com as ‘reformas estruturais’, que interessam aos bancos e aos empresários. E agora ainda tem a festa para o pibinho. Os inimigos de Bolsonaro nos jornais e na TV calibram os ataques quando o foco é a economia e o desmonte do Estado. Não há uma crítica, uma só, da Folha e da Globo, ao Ministério da Agricultura, porque a Globo tem um compromisso com o agronegócio, e o agro é pop. Para quase todo o resto, Globo e Folha mandaram um recado: salvem-se os que puderem se salvar. As mais fulgurantes estrelas do reacionarismo na imprensa brasileira são agora críticos implacáveis de um governo de direita. As redações de Globo e Folha se divertem com a possibilidade de atacar Damares, Araújo, Weintraub, os subalternos dos órgãos culturais, o filho que pretendia ser embaixador, o negro que se revela racista, o sujeito que acusa os Beatles de disseminarem o comunismo e a adoração ao diabo, os terraplanistas olavistas e o Salles omisso com grileiros (bombeiros?), e incendiários da Amazônia. A Globo defende a floresta, porque também nessa área há munição para atacar Bolsonaro e fazer o marketing do ambientalismo.




Mas Globo e Folha atacariam os Bolsonaros, sairiam atrás da história do Queiroz e debochariam do fundamentalismo religioso do governo, se Bolsonaro não tivesse declarado guerra? Como seriam as relações das organizações que Bolsonaro quer exterminar, se o armistício tivesse sido assinado logo depois da posse, e Globo e Folha mantivessem, apenas por protocolo, uma postura crítica branda diante dos desatinos de Bolsonaro?






A Folha continuaria dizendo, como assegurou em outubro, em meio à campanha, que Bolsonaro não era um candidato da extrema direita? Hoje, para a Folha em guerra, é um autoritário “fantasiado de imperador”. A briga é boa, porque pode reposicionar a Folha golpista e prolongar mais um pouco a sobrevida do jornal impresso. E pode salvar a Globo, se Bolsonaro cair...mas é só se Bolsonaro cair. Mas Globo e Folha teriam a mesma fúria se Bolsonaro não tivesse declarado guerra aos seus interesses? Os donos, os jornalistas, os leitores, os ouvintes, os telespectadores sabem que não. Bolsonaro também sabe.



Fonte:https://www.diariodocentrodomundo.com.br/por-que-globo-e-folha-odeiam-bolsonaro-por-moises-mendes/




-----------------------------------------------------






Apostolado Berakash – Trazendo a Verdade: Se você gosta de nossas publicações e caso queira saber mais sobre determinado tema, tirar dúvidas, ou até mesmo agendar palestras e cursos em sua paróquia, cidade, pastoral, e ou, movimento da Igreja, entre em contato conosco  pelo e-mail:



filhodedeusshalom@gmail.com



Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido(a), desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Os comentários serão analisados criteriosamente e poderão ser ignorados e ou, excluídos.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino) “Não a nós, Senhor, não a nós, mas ao vosso nome dai glória...” (Salmo 115,1)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger