A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Católico volte para casa!!!

Católico volte para casa!!!

Written By Beraká - o blog da família on terça-feira, 10 de novembro de 2015 | 16:33



“Não muito tempo depois do meu despertar da fé, a epifania que levou a minha reversão, descobri que Deus estava me chamando também para ajudar os outros em suas jornadas para casa. Com a graça de Deus, estabeleci um apostolado de evangelização pela mídia internacional, chamado “Católicos, voltem para casa”. Mal sabia eu que, em apenas três anos, mais de 125 milhões de espectadores veriam nossos novos e inspiradores comerciais na televisão e visitariam nossos sites bilíngues. E depois de verem esses anúncios de evangelização, que chamamos de evangomerciais, mais de 350 mil pessoas voltariam para casa, para Jesus e Sua Igreja!Por que o livro Católicos, voltem para casa tem sido tão eficaz e despertado tanta atenção internacional? Por que ele funciona e fornece um simples convite para as pessoas: encontrá-las onde estiverem, e dar-lhes uma maneira fácil de começarem suas viagens de volta para Jesus e para a Sua Igreja. Eu acredito que, no fundo, a maioria realmente quisesse ser melhor e fazer mais bem no mundo.Muitos queriam crescer mais próximos a Deus, confiar Nele, mas simplesmente não sabiam por onde começar. Nós testemunhamos que muitas dessas pessoas normais começaram sua jornada de volta a Jesus e à Igreja depois de terem visto uma mensagem com o convite na televisão, durante o seu programa favorito. Quando eram questionadas “por que você resolveu voltar para casa?”, a resposta era: “porque você me convidou!”. Foi assim que “Católicos, voltem para casa” respondeu ao chamado da Nova Evangelização. Cada um de nós é chamado por Deus a espalhar Sua boa-nova e a trazer as almas para casa também. Afinal, essa é nossa missão principal como membros da Igreja e nosso dever como cristãos batizados.Como uma extensão às campanhas locais do “Católicos, voltem para casa”, alguns leigos católicos têm formado equipes de oração porta a porta. Quando eles saíam em campanha pelos bairros, diziam, por exemplo: “Sou da paróquia de Santana, e nosso grupo estará rezando diante do Santíssimo Sacramento pelas necessidades das famílias de nosso bairro. Como podemos orar por você e por sua família?”.Temos ouvido histórias de pessoas que derramaram lágrimas porque alguém se oferecia para rezar pelo esposo que estava desempregado, por um pai com câncer, ou por um jovem dependente de drogas. A Evangelização porta a porta tem sido um sucesso na divulgação. Quando os católicos são orgulhosos de sua fé, compreendem a sua fé, e têm uma estreita relação com Cristo, nossa Igreja floresce e atrai muitas almas.”

Ex Protestante Tom Peterson - Retirado do livro: “Católicos voltem para Casa”






Amado(a) irmão(ã), eu não sei o que levou você a afastar-se da Igreja. Estou escrevendo isto e suplicando a Deus do mais profundo de minha alma que a graça e a misericórdia de Deus, lhe alcance e você consiga perdoar-nos como Católicos por tudo que fizemos ou deixamos de fazer por você e pelos seus. Talvez o que tenha levado você a afastar-se tenha sido a falta de fervor de nossas lideranças, talvez você tenha se magoado com alguém, ou até mesmo com seu pároco, que não lhe deu apoio e orientação quando mais você estava precisando, e você talvez tenha encontrado tudo isto em algum grupo menor de pessoas, na denominação da qual participou, ou esteja até ainda participando. Talvez uma catequese muito fraca e sem fundamentação sólida que você recebeu na própria Igreja Católica, que muitas vezes trata mais das questões sócias que existenciais, não foi suficiente para retirar todas suas dúvidas e angústias que você carrega em seu coração. Reconheço também, que nossos padres e bispos tem de ser mais eloquentes nas suas homilias, entusiasmados, e com um discurso que encante as pessoas como Jesus. O conhecimento da humanidade de Cristo devia fazer parte da formação de todos os líderes espirituais, em especial dos padres de nossa Igreja. Hoje, não se pode ser um líder espiritual e não tocar em assuntos como a depressão, a angústia, a ansiedade, o divórcio, a terrível e escravizante dependência de drogas, a timidez, a insegurança em todos os níveis, e principalmente qual o verdadeiro plano pessoal de Deus para cada um de nós individualmente, e não apenas coletivamente, pois apesar de sermos irmãos de muitos, Deus nos ama de forma única. A sociedade está a adoecer, e nossas lideranças espirituais têm de conhecer aquele que atingiu o topo da saúde psíquica: Jesus, que viveu num ambiente altamente contrário aos valores pregados por Ele. Por vezes, nossas lideranças não percebem que o ser humano está a adoecer rapidamente. Talvez o proselitismo e a caçada inescrupulosa de adeptos para uma denominação, por alguém com outros interesses, fizeram de você com suas carências e necessidades pessoais, mais uma presa fácil entre tantas outras vítimas, e tenham lhe arrastado para onde você está agora. Mas confesso agora a você algo muito pessoal e que o Sr Deus me coloca sempre no mais íntimo de meu coração(me corrija e me exorte se eu estiver errado): é que você sente que tem alguma coisa errada, que lhe falta algo que lhe tiraram e estão lhe negando, e que você não sabe bem o que é, enfim, você tem percebido que mesmo se emocionando com os louvores e pregações de que tem participado, na amizade sincera de alguns irmãos e irmãs ao seu redor onde você atualmente congrega, e mesmo vendo sinceras mudanças em seu viver, sente no mais profundo de seu ser uma incompletude, um “não sei o que”, que não lhe dá plenitude, mesmo afirmando e reafirmando que Deus é tudo e que só adora a Jesus, que seu Deus é das vitórias, e mesmo entre glórias e aleluias, quando na sua intimidade com Deus, aquela doce e suave vos interior lhe incomoda questionado: ”ainda te falta algo.” E você tentando sufoca-la responde: “Mas Senhor eu já te aceitei como meu Senhor e suficiente Salvador, já me batizei descendo completamente nas águas, recebi os dons dos Espírito, sirvo na tua obra, oro, medito tua palavra todos os dias, sou fiel, que mais queres de mim?...”


E para sua surpresa eu não vou revelar-lhe aqui o que está lhe faltando, pois Deus já lhe revelou, seja apenas dócil a Ele e faça seu caminho de retorno a sua verdadeira casa, só assim encontrará a Paz e plenitude que tanto anseia.
Curta este artigo :

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger