A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » 15 tipos de homilia que os Padres precisam evitar

15 tipos de homilia que os Padres precisam evitar

Written By Beraká - o blog da família on quarta-feira, 10 de junho de 2015 | 23:59




*Por Pe. Antonio Rivero



Na sua opinião, qual é a pior? E que dicas você, como católico, daria aos padres na hora de preparar a homilia?Como é difícil dar uma boa homilia! Mas qual será a melhor maneira de fazer uma pregação na missa?Bem, o que parece estar claro é o que NÃO se deve fazer.





Apresentamos alguns exemplos:



1. Homilia improviso: é aquela que o sacerdote “prepara” quando está colocando a alba, o cíngulo, a estola e a casula para a santa missa.

2. Homilia livresca: homilia com muito cheiro de livro e de escrivaninha; homilia acadêmica, marmórea, mas carente de coração e de conhecimento dos ouvintes.

3. Homilia arqueológica: homilia em que o pregador quer fazer incursões em detalhes secundários sobre os fariseus, os essênios, as dracmas, os estádios, a hora sexta, o átrio, o poço... Não explica a mensagem de Deus, e sim curiosidades periféricas.

4. Homilia romântica: aquela que quer promover lágrimas, sorrisos e água com açúcar, à base de exclamações, interjeições, gritos, linguagem paternalista com adjetivos ternos, diminutivos e aumentativos.

5. Homilia demagógica: com palavras e mais palavras, quer ficar de bem com o público, traindo tanto a mensagem evangélica quanto o destinatário, desfigurando e distorcendo a doutrina de Cristo.

6. Homilia literária: mais que uma prédica sagrada, é um exercício literário ou poético.

7. Homilia antológica: aquela que se transforma numa oportunidade para recordar e trazer à colação todas as frases, sentenças, textos, poesias e definições que o pregador aprendeu de memória ou achou em seus arquivos.

8. Homilia molusco: invertebrada, gelatinosa, sem argumento, sem conteúdo, sem tema. Nem termina um tema, já começa outro.

9. Homilia tijolo: puras ideias, sem relação com a vida prática dos ouvintes. A homilia deveria chegar, por assim dizer, até a cozinha da dona de casa, até o trabalho do pai de família, até a cadeira dos estudantes... Mas a homilia tijolo é pesada demais para chegar lá.

10. Homilia espaguete: enrola, enrola, enrola... Chateia os ouvintes e os faz bocejar.

11. Homilia cursinho: aborda muitos temas sem concretizar nenhum.

12. Homilia repetição do evangelho: não consegue tirar uma mensagem do evangelho para os ouvintes, limitando-se a ficar repetindo o que foi lido no evangelho. Será possível que o pregador seja incapaz de tecer uma homilia saborosa com uma ideia clara e bem apresentada? O ouvinte não é bobo!

13. Homilia técnica: usa o tempo todo uma linguagem teológica que as pessoas não entendem: metanoia, anáfora, parusia, epifânico, histérico, pneumático, mistagogo, escatologia, transubstanciação… A homilia não é uma aula de teologia, e sim uma conversa cordial com os ouvintes e paroquianos.

14. Homilia vira-lata: o pregador salpica a sua fala o tempo todo com gírias vulgares. Assim é rebaixada a palavra de Deus, a dignidade do profeta e a dignidade dos fiéis, que São Paulo chama de “santos no Senhor”. O pregador não deve jamais se rebaixar, pois está falando em nome de Cristo e da Igreja.

15. Homilia do mau piloto: o pregador não sabe decolar nem aterrissar. Dá voltas e mais voltas e nunca termina. Até anuncia: “E para terminar”... mas arremete de volta às nuvens... “E agora para terminar”… e lá vai de novo para mais uma volta. Por favor, termine e ponto.


Agora que já vimos como NÃO deve ser uma homilia, compartilhe conosco que características da homilia mais o ajudam a viver bem a missa e sua vida cristã!

Para começar, digamos que em toda pregação deveríamos seguir este esquema:




1)- Primeiro, uma introdução ou exórdio. Isto é, um começo atraente, original, com alguma anedota, estatística, um fato, um acontecimento, um evento... que capte a atenção dos ouvintes, e sempre relacionado logicamente com a ideia ou tema que será tratado.



2)- Segundo, um desenvolvimento das ideias. Temos que oferecer uma só ideia, para não causar uma indigestão nos ouvintes com muitas ideias inconexas. Ideia desenvolvida em dois ou três aspectos claros, lógicos e estruturados. Ideia expressa com força, convicção, entusiasmo, originalidade, imaginação, vivacidade. Uma imagem ou metáfora pode ajudar muito para explicar essa ideia que estamos comentando. Usar uma linguagem concreta que toque a vida e o coração dos ouvintes. Ser sempre positivo e motivador. Com uma citação de um Santo Padre ou de um santo da Igreja, para dar peso a essa ideia.



3)- E, finalmente, uma conclusão ou peroração, que resume em poucas palavras o discurso e a pregação. Terminemos invocando à Virgem Santíssima para que nos ajude na vivência desse tema tratado.


Como preparar uma homilia:



Parte-se dos textos bíblicos da liturgia, tirando uma só ideia para os meus ouvintes: por exemplo, a conversão, a esperança, a alegria, a oração, etc... Mas, uma só ideia.Depois essa ideia é desenvolvida em dois ou três aspectos claros, lógicos e estruturados, tirados dos textos bíblicos dessa missa. Também é bom que essa ideia esteja apoiada em alguma citação dos Santos Padres que comentem essa ideia e que dará peso à nossa homilia. Citar os Santos Padres é subir em ombros de gigantes.



Mais tarde, tentemos trazer essa mensagem divina para a vida concreta dos ouvintes: vida familiar, laboral, profissional, estudantil... O citar um fato da vida de um santo com relação à essa ideia que estou comentando seria excelente, pois os santos nos incentivam a viver essas verdades.



Tipos de boas homilias:



1)- Está, primeiramente, a homilia evangelizadora que desperta e incrementa a fé do ouvinte.

2)- Temos também a homilia catequética, que aprofunda a fé à luz da história da salvação nos diferentes períodos litúrgicos.

3)- E claro que também há homilias proféticas que provocam uma resposta de conversão ao plano de Deus desde os textos bíblicos.

4)- Está a homilia mistagógica que explica esse sacramento que está sendo celebrado (confirmação, batismo, casamento, unção dos enfermos, ordem sacerdotal, etc...) para que o valorizem e o amem mais e melhor.

5)-E finalmente temos a homilia temática: quando o sacerdote fica vários anos numa paróquia, pode aproveitar de segunda a sexta para ter homilias temáticas. Foi o que fiz numa paróquia de Buenos Aires na qual estive doze anos como vigário paroquial. Depois dos primeiros cinco anos em que dava a homilia sobre a liturgia do dia, comecei a fazer homilias temáticas, e tive muito resultado. Temas que duravam até meses: expliquei o credo, os sacramentos, os mandamentos, a oração, a liturgia, Nossa Senhora, a Missa, o terço, as virtudes, os vícios capitais, as obras de misericórdia, etc.


Ofereço-lhes este esquema de uma possível homilia:


Exemplo: O tema da liturgia de hoje é a conversão (só um tema):


1) A conversão consiste, seguindo a primeira leitura lida, em abandonar nossos ídolos, infidelidades e pecados (enumerar esses possíveis ídolos das nossas vidas).


2) Essa conversão tem que passar pela cruz, como nos diz São Paulo na segunda leitura (concretizar essa cruz na nossa vida).


3) E finalmente, a conversão irá trazer alguns frutos maravilhosos na vida pessoal, familiar, laboral, como nos fala o Evangelho (listar esses frutos). Santo Agostinho resume este tema da conversão com esta frase ou com este fato de vida. 




*Padre Antonio Rivero tem licenciatura e doutorado em Teologia Espiritual pelo Ateneu Pontifício Regina Apostolorum em Roma. Atualmente exerce seu ministério sacerdotal como professor de teologia e oratória, e diretor espiritual no Seminário Maria Mater Ecclesiae do Brasil.



Fonte: ZENIT
Curta este artigo :

+ Comentário. Deixe o seu! + 1 Comentário. Deixe o seu!

26 de julho de 2017 09:12

O conteúdo é pedagógico. Muitos elementos podem ser absorvidos. Infelizmente a 'imagem' é agressiva, violenta e preconceituosa.

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger